Santa Bica

Restaurantes, Português Chiado/Cais do Sodré
Santa Bica
1/3
Esplanada Santa Bica
Santa Bica
2/3
Santa Bica
3/3

Esta semana pus-me na toca do lobo, que é como quem diz, no meio dos turistas. Estacionei no Cais do Sodré, onde ouvi algum espanhol, subi até meio da Bica, altura em que me cruzei com um bando de americanos, e acabei sentada à mesa do Santa Bica, ao lado de uma dúzia de franceses. O restaurante, que é também uma guesthouse, está aberto há uns anos, e é um daqueles típicos para jantares de grupo, sobretudo no Verão, graças a um simpático terraço.

Já lá tinha ido há uns anos petiscar
 e voltei agora para jantar. Noite fria de Agosto, mesa para dois no terraço e um cheiro a fritos no restaurante todo que chegava até ao exterior (e obrigou a um banho quando cheguei a casa).

A ementa é uma travessia por petiscos e pratos portugueses sem grandes invenções. Comecei por umas agradáveis gambas al ajillho (9€), mas dose pequena para o preço. Pior o pão saloio às fatias, pedido para empapar no fundo da travessa, ora com fatias frescas, ora com fatias duras. Vieram depois uns ovos com farinheira (5,50€), interessantes, com alguma cremosidade. Logo de seguida, uma salada portuguesa de sardinha (7€) muito desenxabida. No topo três metades de sardinha duras em molho de tomate, na base uma montanha de alface, pimentos, cebola e espargos cortados em juliana, dois tomates cereja e quatro batatinhas novas a enfeitar as bordas. Tudo sem tempero.

O mais surpreendente foi, contudo, o naco da vazia Dijon (13€), recomendado pelo empregado. À mesa chegou, de facto, um naco barrado com mostarda Dijon, aterrado num molho amarelado com sabor a natas e mostarda convencional. Ao primeiro corte, porém, percebi que não se tratava de um naco, mas sim de um bife dobrado em dois. Tipo guardanapo.

Para finalizar, um muito enjoativo Pecado da Bica (4€), um copo de balão com bolacha ralada na base e uma montanha de chantilly com morangos e doce de leite (a dar direito a uma Água das Pedras depois do banho).

Até os turistas merecem melhor fotografia de Lisboa.

*As críticas da Time Out dizem respeito a uma ou mais visitas feitas pelos críticos da revista, de forma anónima, à data de publicação em papel. Não nos responsabilizamos nem actualizamos informações relativas a alterações de chef, carta ou espaço. Foi assim que aconteceu.

Por Marta Brown

Publicado:

Nome do local Santa Bica
Contato
Endereço Travessa do Cabral, 37
Lisboa
1200-074
Horário Ter-Dom 18.00-01.00
Transporte Metro Baixa-Chiado. Cais do Sodré
Preço 15€ a 25€
É o proprietário deste estabelecimento?

You may be interested in:

LiveReviews|0
1 person listening