A Boa Alma

Teatro

A Time Out diz

Nunca será demais voltarmos a Mónica Calle. A Boa Alma é um solo de 2015, aquando da mudança da Casa Conveniente do Cais Sodré para Chelas, escrito por Luís Mário Lopes a partir da obra homónima de Brecht. Este é o primeiro de 7 solos que compõem Este é o Meu Corpo, dois meses, de Março a Maio, em que o São Luiz acolhe estes espectáculos essenciais da obra de Calle.

Detalhes

A vossa opinião

LiveReviews|0
1 person listening
Também poderá gostar
    Últimas notícias