As Lindas Bocas

Teatro

A Time Out diz

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme se os eventos continuam agendados.

Este espectáculo “que acontece entre seres humanos de hoje. Pessoas diferentes mas também iguais”, encenado para o Espaço das Aguncheiras com texto de Mariana Trigo, a partir de Novas Cartas Portuguesas, de Maria Isabel Barreno, Maria Teresa Horta e Maria Velho da Costa, fala das memórias feministas portuguesas.

É um texto que foi habitado, por São José Lapa, com personagens de “vários géneros e de diferentes identidades sexuais, solitárias, acompanhadas, espelhos de várias gerações”. Personagens que reflectem a “casa onde se ama, se violenta ou se abandona e nos espaços mais ou menos públicos, os de veloz passagem”, onde “as bocas falam, no feminino, no masculino e nos outros”, interpretadas por Lavínia Moreira e Manuel Romano com música original de Alberto Lopes.

Publicado:

Detalhes

Também poderá gostar