O Hóspede

Teatro
O Hóspede

Nova reposição, esta peça de Joe Orton conta, em forma de comédia bizarra, como Xavier, um jovem que aluga o quarto a dois irmãos, Catarina e Alberto, os manipula como quer e lhe apetece.

“Comédia de bizarrias – aqui escrevi quando estreou – que João Mota adapta e encena, demonstrando como apesar do tempo e das mentalidades e dos costumes não há lei nem maneira capazes de travar a hipocrisia, ou esconder o desejo, evitar o oportunismo, a manipulação sentimental e esquecer a importância das aparências na vida social.” Mote de grande controvérsia na altura da estreia, em 1964, a obra do dramaturgo inglês onde, como diz A Comuna, “todos falam de princípios morais enquanto, e acima de tudo, segregam o cadáver da Civilização Ocidental”, não perdeu, nesta encenação a sua acutilância e actualidade, e muito menos a sua graça corrosiva nas interpretações de Carlos Paulo, Carlos Vieira de Almeida, Elsa Galvão e Hugo Franco.

Publicado:

LiveReviews|0
1 person listening