Prosopopeia

Teatro
Prosopopeia
Alipio Padilha

Prosopopeia é figura em que o orador atribui o dom da palavra, o sentimento ou a acção a seres inanimados ou irracionais, aos mortos ou aos ausentes. É desta definição que parte para este espectáculo Pedro Baptista, com Ana Valente, Elena Rudakova, Francisco Sousa e Mário Coelho na interpretação e Manuel Abrantes na iluminação.

Esta composição a quatro corpos bem pode “ser uma melodia, um rizoma, um movimento, uma oratória.” Mas também uma “sequência de monólogos, na qual cada corpo se presta a ser individualmente observado, ouvido, detectado, interpretado, percepcionado como num ciclo ao qual não poderá inevitavelmente escapar.” É ver para crer.

Publicado:

LiveReviews|0
1 person listening