beatriz batarda, paris
©Estelle Valente

Siga Beatriz Batarda pelo São Luiz

Deixe-se guiar pela actriz em 'Paris > Sarah > Lisboa', num percurso por este teatro no coração de Lisboa

Publicidade

Miguel Loureiro encena Paris > Sarah > Lisboa, as coordenadas em evidência no São Luiz, entre 2 e 11 de Fevereiro. Beatriz Batarda evoca a francesa Sarah Bernhardt, para muitos "a maior actriz de todos os tempos", neste percurso por vários espaços do teatro, a começar no foyer. Deixamos-lhe três perguntas. 

O que podemos ver em Paris > Sarah > Lisboa?

Uma série de quadros impressionistas de quem terá sido a cortesã, actriz, encenadora, figurinista, pintora, escultora, produtora, empreendedora, escritora e mãe, Sarah Bernhardt.


Estamos no território dos itinerários. Descreva-nos um roteiro perfeito de Lisboa em cinco paragens.

Não há itinerários perfeitos. Mas eu gosto do percurso e das paragens: Museu Nacional de Arte Antiga, York House, Embaixada de França, Parlamento, Teatro da Cornucópia. 


Fale-nos de três projectos em que a veremos envolvida em 2017.

Só tenho um projecto para 2017. É possível que me vejam nos mais recentes filmes de Marco Martins, de Teresa Villaverde e de Cristina Pinheiro, ou talvez numa série na RTP. Mas gostaria que viessem ver o espectáculo de comemoração dos 150 anos do Teatro Trindade, numa encenação em conjunto com o Marco Martins.

Recomendado
    Também poderá gostar
    Também poderá gostar
    Publicidade