A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Vista Alegre
©DRVista Alegre

Dia do Pai: os melhores presentes para oferecer ao pai foodie

O dia do gourmand lá de casa está a chegar e ainda não sabe o que lhe oferecer? Temos várias sugestões de presentes para alegrar o pai foodie.

Escrito por
Mariana Morais Pinheiro
Publicidade

Não sai da cozinha, suja imensa loiça, conhece todos os restaurantes, passa a vida a descarregar apps de vinhos, devora programas de gastronomia e enche de gordura os livros de receitas? Se o seu progenitor se quadra neste perfil, tome nota de alguns presentes para lhe oferecer no Dia do Pai. Entre as sugestões vai encontrar, por exemplo, literatura adequada, vinhos de renome, refeições em lugares especiais, decoração para a mesa, condimentos fora da caixa, aulas para aprender a fazer as suas próprias bebidas espirituosas e outras opções. Pode ser, quem sabe, que para lhe agradecer tão belo presente lhe faça o seu prato favorito.

Recomendado: Presentes para o Dia do Pai até 50€

Presentes para oferecer ao pai foodie

 Livro ‘Dirty Vegan – Receitas rebeldes para comer bem e ficar em forma’
©DR

Livro ‘Dirty Vegan – Receitas rebeldes para comer bem e ficar em forma’

Matt Pritchard | Arte Plural | 18,80€

De skateboarder a atleta ultra-maratonista; de vegan experimental a chef profissional; de participante em competições de Iron Man a estrela de televisão em Dirty Sanchez, um programa britânico onde partidas e façanhas arriscadas são o prato do dia. As muitas vidas de Matt Prichard equivalem quase ao mesmo número de receitas vegan deste seu novo livro — 100. Dedicado a quem está a dar os primeiros passos no veganismo, a quem não tem tempo nem paciência para receitas muito rebuscadas ou a quem procura comida saudável sem sacrificar o sabor, Dirty Vegan apresenta receitas simples que requerem pouco tempo de preparação, bem equilibradas e nutritivas. Para começar o dia, Matt sugere panquecas de sumo de beterraba, ovos mexidos de tofu, papas de aveia, granola, smoothies e bebidas de frutos secos. Depois, indica-lhe os tentadores momos de abóbora e cogumelos com sumo de lima, os crepes vietnamitas em folhas de arroz, muitas saladas, como a de cuscuz gigante com beringela e tahini, e uma imensidão de sopas. Mais para o fim do livro aparecem pratos bem robustos, como goulash de jaca e pimento vermelho, empadão de lentilhas verdes, e guisados, bem como algumas sobremesas — todos com o objectivo de lhe darem aquela dose extra de energia. Ah, e as fotografias que ilustram o livro são bem tentadoras. Tente não o lamber.

  • Restaurantes
  • Restaurantes
  • Vila Nova de Gaia
  • preço 4 de 4

Quando se trata de celebrações, são imbatíveis. O restaurante vínico com duas estrelas Michelin, e uma belíssima vista para o Douro, convida pais e filhos a sentarem-se à sua mesa, no dia 19, e a provar as criações do chef Ricardo Costa, numa viagem que promete ser memorável. Os pratos serão harmonizados com uma selecção de vinhos pensada para a ocasião. A refeição tem início com ostra, jalapeños e maçã verde, seguindo-se depois couve-flor com coral, zamburinhas galegas e pancetta ibérica; e frango coquelet com couve roxa, spring onion e hibiscos. Ainda antes das sobremesas, é servido linguado com cogumelos, salicórnia e cebolinhas; e pão caseiro com manteiga e azeite. Laranja Sanguínea, pistáchio e açafrão rematam a refeição que começa às 13.00 e tem um custo de 80€ por pessoa, com selecção de vinhos incluída. Reservas através do número 22 013 3136 ou do email events@theyeatman.com.

Publicidade
Cutelaria da Vista Alegre
©DR

Cutelaria da Vista Alegre

A Vista Alegre, marca portuguesa bicentenária especializada na produção de porcelana, vidro e cristal, lançou recentemente duas novas colecções de cutelaria. O faqueiro Prism, com linhas geométricas e acabamentos prateados, pode ter 16, 24 ou 130 peças (a partir de 230,10€). Todas as peças têm cabo oco, as facas são temperadas e feitas em aço inoxidável, “numa combinação de tecnologia e trabalho artesanal”, adiantam. Na colecção Perle, a marca criou dois modelos: a Perle Cn e a Perle D’Or, ambas com 130 peças (1273,30€). A primeira possui “pequenos relevos lembrando pérolas”, que lhe conferem “um carácter intemporal”; e a segunda distingue-se pelo ouro de 24 quilates aplicado e “acabamentos refinados”, com um toque de luxo. As peças podem ser vendidas separadamente em vistaalegre.com/pt.

  • Coisas para fazer
  • Campanhã

Era uma vez um australiano que queria fazer rum envelhecido em pipas de vinho do Porto mas, sem querer, acabou por abrir a primeira escola de gin do país em Campanhã. “O gin aconteceu por acaso, porque pode ser feito rapidamente. Não precisas de esperar que envelheça antes de o vender”, conta Travis Cunningham. Do feliz acaso nasceu a marca Invicta Gin, que conta já com três gins no cardápio — o London Dry Gin (39,99€/70 cl), o Navy Strength, mais apropriado para a mixologia (54,95€/70 cl), e o Portuguese Citrus (44,95€/70 cl) —, e uma escola que ensina a fazer esta bebida espirituosa. As aulas custam 85€ por pessoa e têm uma duração de três horas, durante as quais os participantes fazem uma visita guiada à destilaria, ficam a saber mais sobre o processo e a história da destilação, provam gins e fazem e engarrafam o seu para levar para casa. 

Publicidade
  • Restaurantes
  • Português
  • Porto
  • preço 2 de 4

Pães variados, compotas caseiras, mel, marmelada, croissants, iogurtes naturais, saladas, sanduíches, tábuas, selecção de queijos e enchidos portugueses, muita fruta, bolos gulosos e ovos e panquecas pedidas no momento são algumas das propostas do menu de brunch do Digby, o restaurante do hotel de cinco estrelas Torel Avantgarde. No dia 19 de Março, entre as 12.30 e as 15.00, em reservas de quatro pessoas, a refeição é oferecida ao pai. O preço por pessoa é de 35€ e as reservas podem ser feitas através de info@digby.pt ou 22 244 9615.

Uma viagem pelos vinhos e pela região vitivinícola de Bucelas 
©DR

Uma viagem pelos vinhos e pela região vitivinícola de Bucelas 

Em 2021, comemoraram-se os 110 anos da demarcação da região vitivinícola de Bucelas. Para celebrar a data, a Sociedade Agrícola Boas Quintas, do enólogo Nuno Cancela de Abreu, lançou para o mercado um novo rótulo, o Morgado de Bucelas Cuvée 2020 (12€), bem como uma nova versão do Morgado de Bucelas em nova colheita 2020 (6,60€). Dotados de uma grande mineralidade – os solos calcários e a proximidade do mar conferem-lhe características muito particulares, como uma elevada acidez e a possibilidade de envelhecerem muito bem em garrafa –, são bons para acompanhar pratos de marisco ou moluscos, sushi e sashimi.  

Publicidade
Livro ‘Vegetariano nas Quatro Estações’
©DR

Livro ‘Vegetariano nas Quatro Estações’

Ana Isabel Monteiro | Manuscrito | 18,90€

Com uma legião de fãs nas redes sociais que ascende a mais de 100 mil seguidores, Ana Isabel Monteiro mostra ao mundo, no seu blogue Laranja-Lima criado em 2015, que uma alimentação vegetariana pode ser saudável e deliciosa, em qualquer altura do ano. Acabadinho de chegar às prateleiras das livrarias, Vegetariano nas Quatro Estações reúne 80 receitas que obedecem à sazonalidade dos alimentos, todas com índice nutricional. Tostas de batata doce com diferentes toppings, tartes de quivi, panquecas de laranja e espinafres, bolachas de limão e papoila ou assado de tofu com batata são alguns dos pratos que vai encontrar ao longo das quase 300 páginas. Não deixe de experimentar a feijoada de cogumelos à pai Monteiro, numa homenagem ao pai da autora. “Foi das primeiras receitas que o meu pai fez quando me tornei vegetariana e continua a ser a minha favorita sempre que vou a casa dos meus pais. Sabe e cheira a conforto, e é tão deliciosa”, conta.

  • Restaurantes
  • Baixa

Mariana Cardoso, dona da empresa Lazy Flavours, com tours para descobrir Portugal através dos sabores e dos locais, e Ryan Opaz, um americano do Minnesota, fundador da Catavino, especializada em tours ligados à temática do vinho, são os fundadores da Portuguese Condiment Co., o laboratório de condimentos na rua do Bonjardim. De lá saem molhos picantes, como o Mango Scorpio, o Piripiri com Menta e Limão, e o Habanero com Hibiscos, Mel e Vinagre de Cidra (7,90€/200ml). Têm também singles spices ou “pozinhos mágicos”, como gostam de chamar aos intensificadores de sabor caseiros — o Umami Bomb, o Mexican Chilli Powder e o Funky Funghi são alguns deles (entre 4,50€ e 7,90€) — e ainda shrubs ou xaropes de fruta, que servem de base para preparar bebidas, como refrescos e cocktails (custam 4,90€/250 ml).

Mais ideias para fazer no Dia do Pai

  • Viagens
  • Escapadas

Férias grandes, escapadinhas para aproveitar feriados ou um fim-de-semana prolongado. Qualquer uma destas hipóteses é uma boa desculpa para fazer as malas e partir à descoberta do Gerês, um dos paraísos no Norte de Portugal, que lhe garante uma limpeza à alma. O que há por lá? Além de paisagens naturais, conte com termas para relaxar e muitos desportos radicais. A equipa da Time Out explorou aldeias e serras, provou a gastronomia local e preencheu este artigo com boas histórias. No fim ficámos com muita vontade de voltar. Siga-nos o rasto, aqui tem37 razões para visitar o Gerês. 

Recomendado: Seis escapadinhas para o interior do país

  • Coisas para fazer

Amarante tem música, cinema, poesia e actividades para os mais novos. Mas não só. Se é guloso, aqui vai encontrar várias confeitarias, cheias de doces conventuais típicos da região, como a clássica ferramenta de São Gonçalo. Comida também não vai faltar. Há de tudo um pouco, desde tascas que servem enchidos, queijos e vinhos da região, até um requintado restaurante com estrela Michelin. Além de tudo isto, há ainda muito para visitar, como o Museu Amadeo de Souza-Cardoso e a Igreja de São Gonçalo. Para que não se perca entre tanta coisa boa, aqui tem um roteiro de Amarante com tudo o que pode fazer num dia. 

Recomendado: Destinos a menos de uma hora do Porto

Publicidade
  • Hotéis

Adoramos a nossa cidade do fundo do coração mas, às vezes, quando a rotina começa a incomodar, sabe mesmo bem mudar de ares, apenas para recuperar energias e voltar pronto a vivê-la novamente como merece. Com isto em mente, seleccionámos 14 hotéis a uma hora e meia do Porto. Braga, Aveiro, Viseu, Coimbra e Guimarães são alguns dos nossos destinos, onde a palavra de ordem é descansar. Em quartos com vista para o Douro, em casas nas árvores ou em tendas de luxo, a escolha é sua. Uma vez feita, faça-se à estrada.

Recomendado: Os melhores hotéis vínicos do país

  • Hotéis

Longe de nós fomentar comportamentos menos responsáveis. Mas, verdade seja dita, um bom vinho aquece muitos corações. Por isso mesmo, fomos à procura de alguns dos melhores hotéis vínicos do País. Brindamos?

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade