A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

A Time Out feita por si: nunca tínhamos escrito sobre estas lojas, mas estão compradas

Por Editores da Time Out Lisboa
Publicidade

Lojas há muitas e algumas escaparam-nos. Graças aos leitores, dessobrimos verdadeiros tesourinhos. 

SEDIMENTO

Sedimento

“É um projecto novo que conheci através do Instagram e que me levou a explorar mais a área da cerâmica, e inscrevi-me nas aulas. São duas horas do meu dia que eu lá estou e não penso em mais nada, um óptimo escape.” Margarida Castro Silva

É um escape para a nossa leitora que nos escapou a nós. A Sedimento está aberta desde Março, juntinho ao Jardim da Estrela (e nós que tanto gostamos de vaguear por esses lados não demos conta disto). Serve de estúdio criativo e loja de cerâmica. Se quiser aperfeiçoar a arte, junte-se aos workshops e aulas semanais.

Santo Ildefonso 31. 92 714 4531. Seg-Sex 11.00-18.00.

E-BIKELOVERS

e-bikelovers

“Tem um conceito prático, adaptando cada bicicleta ao propósito do futuro proprietário, personalizando a mesma. Penso num passeio de e-bike à beira-Tejo com aquele sol lisboeta e respiro felicidade só de pensar” Margarida Silva

Apologistas de um estilo de vida sustentável, não queremos deixar de lado a E-Bikelovers. Instalada no Parque das Nações, dedica-se às bicicletas eléctricas (como manda a lei da preguiça) ou e-bikes, como são conhecidas. Mais citadinas ou vintage para dar tudo nas ciclovias alfacinhas.

Passeio de Neptuno, lote 2.01.01.F Loja 22. Qua-Sex 14.00-19.00, Sáb 11.00-19.00 e Dom 11.00-17.00.

RETROX

Retrox

“É uma loja vintage, com grandes produtos para quem gosta desse estilo.” Carlos Queiroz

O nosso leitor Carlos Queiroz é de poucas palavras e deixou a pairar no ar a sua sugestão: a Retrox. Numa ruela anexa ao Largo do Intendente está esta pequena maravilha do mundo vintage, especializada em artigos mid-century (de 1950 a 1970). É lá que pode encontrar cadeiras incríveis estilo Bauhaus ou aqueles cadeirões egg style, típicos dos anos 60. E os aparadores de design nórdico? Perfeitos para uma decoração minimalista.

Rua dos Anjos, 4 C. retroxvintage@hotmail.com. Dom, Seg e Qua 14.00-19.00 e Qui-Sáb 11.00-19.00.

CASA ANTUNES

Casa Antunes

“É a meca do modelismo estático em Lisboa. Destaco as figurinhas próprias para jogar Dungeons & Dragons e as fiéis réplicas de “militaria” portuguesa, perfeitas para os jogos de guerra mais sofisticados.” Miguel Ângelo

O Centro Comercial do Martim Moniz escondeu demasiado bem esta loja da nossa vista. Com mais de dez anos de experiência, Vítor Antunes é quem está atrás do balcão deste éden de modelismo e recebe com simpatia e conhecimento da matéria inigualáveis. Aficionados destas pequenas maravilhas, é aqui que vão poder encontrar um Borgward, um Panther Turm ou uma Battlestar Galactica. Entretenha-se como uma criança no dia de Natal.

Centro Comercial do Martim Moniz Loja C 10. 21 887 8098. Seg-Sex 10.00-19.00 e Sáb 10.00-13.00.

Também seguimos a pista de uma loja de museu. Procurámos outras e achámos verdadeiras obras de arte do merchandising.

MUSEU DA MARINHA

Museu da Marinha

"A história da loja e cafetaria partiu do entusiasmo de duas lisboetas que há três anos candidataram-se à sua exploração, tendo elas muita experiência em projetos culturais, mas nenhuma em restauração... não obstante, o profissionalismo, rigor e qualidade da equipa fez com que ganhassem este desafio.” Carlota Pina

Aviso à navegação: aqui pode comprar um sextante (240€), esse instrumento usado para cálculos de posição, mesmo que nem um barco de borracha tenha. Há mais artigos dignos de uma longa epopeia. Está a ver a écharpe ali em cima? Se a desenrolar, depara com o planisfério de Cantino (68€), que ilustra pela primeira vez o Brasil.

Praça do Império. Todos os dias, 10.00-17.00.

CASA DAS HISTÓRIAS

Casa das Histórias

Se ter um quadro de Paula Rego na parede de casa não passa de material onírico, contente-se com um amuse bouche. Ou vários, porque a loja da Casa das Histórias enche- -se de merchandising altamente cobiçável. Há iô-iôs, baby sets e canecas com personagens icónicas (5€).

Av. da República, 300, Cascais. Ter-Dom, 10.00-18.00.

MUSEU DOS COCHES

Museu dos Coches

Os coches estão mais actuais que nunca, e nem se pode dizer que velhos são os trapos (ora veja bem a reinterpretação dada ao sortido de peças aqui em cima, em particular às t-shirts, muitas criadas em simbiose com o novo edifício). Não há cavalos dados nesta loja, não senhor, mas os preços não são proibitivos.

Av. da Índia, 136. Ter-Dom 10.00-18.00

MUSEU DO ORIENTE

Museu do Oriente

De Beijing a Macau, de Nova Deli a Tóquio. O périplo pelo Oriente está longe de se esgotar no contexto expositivo, de tal forma que não deve abandonar o barco sem um escala na loja. Fãs de sedas e conjuntos de saké como o da foto (70€), por aqui há muita vida para lá dos pauzinhos e inspiração quanto baste para renovar o seu lar. Tudo sem sair da zona ocidental de Lisboa.

Av. Brasília, 352. 10.00-18.00 (encerra segunda; sexta aberto até às 22.00).

MAAT

Maat

Ironias da vida: na loja do moderníssimo Museu de Arte, Arquitectura e Tecnologia pode regressar à infância e à escrita manual com cadernos e lápis, esse duo dinâmico que hoje mais parece peça de museu. Facto é que eles existem e juntam-se a um vasto acervo de encher o olho e esvaziar a carteirinha. Das t-shirts aos sacos de pano, há design contemporâneo a rodos.

Av. Brasília, 11.00-19.00 (encerra terça).

MUSEU CALOUSTE GULBENKIAN

Gulbenkian

As duas lojas da Fundação funcionam no Museu Calouste Gulbenkian – Coleção do Fundador e no Edifício Sede, morada das edições da casa. Quanto à selecção de peças , é possível que queira trazer a maioria para casa. Atente na carteira em tecido e pele inspirada na Coleção Lalique (110€). Também há colares em coral, ou taças da Vista Alegre baseadas em painéis de Almada. Um enxoval de luxo.

Av. de Berna, 45A. 10:00 -18:00 (encerra à terça)

+ A Time Out desta semana foi feita pelos leitores

Últimas notícias

    Publicidade