A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Andrew Bird no CCB: o regresso da ave rara

Por
Joao Pedro Oliveira
Publicidade

Ele está de volta a Lisboa para um daqueles seus concertos que costumam dar grandes resultados: sozinho, à boca de cena, a fingir que é toda uma banda. Não é a primeira vez que poisa num palco lisboeta assim (muitos recordam a apresentação memorável no São Jorge, em 2009) e o Youtube está cheio de exemplos do que acontece quando ele voa a solo. O espectáculo de Andrew Bird no CCB chama-se simplesmente An Evening With Andrew Bird, faz parte do cartaz desta edição do Misty Fest, e apresenta o músico de Chicago a solo, quase sempre de violino em punho, a guitarra por perto e aos pés uma pedaleira que lhe permite ir tocando e gravando no momento, somando camadas de música em loops sucessivos.

Bird tem nome de pássaro, assobia como um pássaro (como lhe mostramos aqui) e é ele próprio uma ave rara, difícil de catalogar. Desde o anterior álbum de canções – Break It Yourself, 2012 – ele acasalou, teve uma cria, migrou de Chicago para Los Angeles. E essa mudança está escarrapachada nos textos de Are You Serious, o décimo disco, que serve de base a este concerto. Bird, que costumava voar erraticamente por aí, espreitando pelas janelas, planando sobre cenários de que nunca fazia realmente parte, agora escreve coisas biográficas, fala do ninho que construiu e depena-se em público. Em “Bellevue” escreve uma carta de amor (“Now I found someone who can slake my thirst in a land beset by drought”), em “Valley of the Young” pondera os efeitos da paternidade ("where your friends will become strange to you, just as you will become strange to them"), no tema-título olha sarcasticamente para o Bird que já não é (“Used to be so willfully obtuse, or is the word abstruse?").

A digressão pela Europa teve já várias paragens e, pelo rasto que foi deixando, percebem-se onze músicas que se foram mantendo em todos os espectáculos e que deveremos ouvir no alinhamento de Andrew Bird no CCB. “Are You Serious”, “Capsized”, “Truth Lies Low”, “Roma Fade”, “Saints Preservus” e “Left Handed Kisses” (todas do ultimo álbum), mais “Three White Horses”, “Pulaski at Night”, “Give it Away”, “Sic of Elephants” e este “Tenuousness” (do álbum Noble Beast), que aqui recuperamos numa performance de 2009, sozinho em palco tal como o vamos reencontrar em Belém. Curiosamente, um tema que faz uma referência meio enigmática a “Porto-centric Lisboans” e que Bird já confessou ter composto num miradouro de Lisboa.

An Evening With Andrew Bird no CCB, Misty Fest. Quarta-feira, dia 9, 21.00. Bilhetes de 20€ a 30€

Últimas notícias

    Publicidade