Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Antiprincesas: a história de Violeta Parra para ler a miúdos
Notícias / Crianças

Antiprincesas: a história de Violeta Parra para ler a miúdos

Violeta Parra, cantar com sentido
©DR

Já divulgámos esta semana todo o programa do Lisboa na Rua, mas este evento da programação merece a nossa atenção. É para miúdos e quer consciencializar mentes e mudar atitudes.

Nos dias 16, 17 e 30 de Setembro, a colecção Antiprincesas, das edições Tinta-da-China, transforma-se em sessões de leitura para crianças, no Jardim da Cerca da Graça. Estas sessões vão ser dedicadas a Violeta Parra, compositora e cantora chilena, considerada a mais importante folclorista e fundadora da música popular do Chile.

Não se trata aqui das típicas princesas de tule e coroa dourada, são princesas à sua maneira, sobretudo no que toca à luta política, artística e social. Quatro mulheres com quatro histórias de vida inspiradoras e cheias de bravura. A Parra, juntam-se à equação de Antiprincesas ainda mais três mulheres: a pintora mexicana Frida Kahlo, a militar boliviana de origem indígena Juana Azurduy e a escritora brasileira Clarice Lispector.

Há sessões às 11.00 e às 16.00, sempre dramatizadas com encenação de Cláudia Gaiolas, numa iniciativa do São Luiz Mais Novos e da EGEAC.

Jardim da Cerca da Graça.  Calçada Do Monte, 46. 16, 17 e 30 de Setembro. 11.00 e 16.00. Entrada livre.

Mais coisas para fazer com os miúdos:

+ Há um ciclo de cinema fresquinho para os miúdos no Monumental

+ Três peças de teatro para levar os miúdos

 

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments