Lucky's Guest House: dormir à campeão

Não é preciso ter sorte para uma boa estadia na Lucky’s Guest House, um porto seguro num bairro residencial do Estoril.
luckys guest house
Por Renata Lima Lobo |
Publicidade

Abriu há pouco mais de seis meses e fica a 400 metros da estação de São João do Estoril, numa moradia onde funcionou o Consulado do Luxemburgo e que agora foi transformada numa espécie de hotel de charme muito bem disfarçado por fora. Lá dentro, o improvável.

Lucky's Guest House

luckys guest house

As boas-vindas são dadas na casa principal, onde a decoração contemporânea compete com momentos étnicos e cintos de campeão. É que um dos sócios deste universo paralelo à linha é Nuno Neves, o campeão de boxe, kickboxe e muay thai conhecido como Lucky Luke (não fuma, por isso no máximo é o personagem em versão palhinha na boca). Dispostos estão os cintos, prémios e um mural que nos diz que somos todos Luckys. E ninguém sai daqui sem ser um sortudo: através das portadas que dão acesso a uma área exterior coberta e aquecida vê-se um ringue. Um género de aquário, espaçoso e bem equipado, onde decorrem as aulas de muay thai de Nuno Neves. Fomos à luta sim, mas na manhã seguinte. Primeiro fomos competir com o sono.

luckys guest house

Quem nos apresenta a sua nova casa é Maria Vilar, também sócia deste pequeno hotel cheio de boa onda. Uma mulher de negócios, que também gosta de ir à luta, habituada a reabilitar imóveis e que deixou tudo para entregar a sua energia (e tem para dar e vender) a este novo projecto. Na casa principal há uma suíte, dois quartos duplos e um quarto com beliches, estes últimos três com casa de banho partilhada. Mas ficámos num bungalow às riscas. Sim, há bungalows lá fora: o Pink, com dois quartos (um com duas camas de solteiro, outro com beliche para três), uma sala de estar com sofá-cama e casa de banho; e o Cacau, onde nos instalámos. Ao entrar há um pequeno hall de acesso à casa de banho e a dois quartos. De um lado há o quarto twin, do outro o quarto de casal, com tudo o que precisa. Há wifi por todo o lado, a TV por cabo próxima do ninho, aquecedor, uma caixinha para os petit riens, revistas de viagens (uma dedicada ao Topkapi Palace em Istambul), livros, cofre e mantas quentinhas.

Publicidade
luckys guest house

Mas muito, muito perto, a dez passos de distância, há uma área lounge, exótica e coberta, que convida ao descanso, e onde está instalada uma marquesa que recebe massagens tailandesas nos dias mais quentes. E também quando faz calor é possível marinar na água fresquinha de um tanque.

luckys guest house
Fotografia: Manuel Manso
Desporto, Autodefesa

Sinta-se sortudo

icon-location-pin Cascais

Após uma noite descansada, em que os hóspedes se quiserem podem fazer de conta que estão de férias na Tailândia, preparámo-nos para a aula de muay thai com o Lucky Luke. Primeiro é preciso passar pelo pequeno-almoço preparado por Clotilde, a matriarca da comida. Sumo de laranja natural, carnes frias, queijos, leite, chá, fruta e café eram alguns dos ingredientes à disposição que ajudam a repor as energias para o treino. Uma aula individual fica por 50€ (e não precisa de ser hóspede para comprar o serviço), mas estamos a falar de um multicampeão com veia de psicólogo. "Ajudamos a enfrentar humildemente o mundo", explica-nos Nuno, para quem a luta não passa pelo ego e pela força. Um frente a frente com este campeão é um exercício, sim, mas de superação pessoal a nível físico e psicológico. O refrear da ansiedade é directamente proporcional à eficácia de um impacto. A concentração é amiga das conquistas. A humildade de conhecermos as nossas limitações é o bilhete para a vitória, dentro e fora do ringue. Poderia parecer que estamos dentro de um filme inspiracional de artes marciais, a pôr e a tirar a cera do carro à Mister Miyagi. Mas é real e está aqui mesmo ao lado.

Já que aqui anda

LINHA CASCAIS
Fotografia: Manuel Manso
Coisas para fazer

Comer, comprar e passear: as melhores coisas para fazer no Estoril

Do monte até ao mar, o Estoril tem muito para descobrir, seja qual for a estação do ano. Escondido entre Cascais e a Parede, durante anos foi a estância balnear mais luxuosa da Linha. Comer, comprar, passear: eis as melhores coisas para fazer no Estoril. Siga o nosso roteiro, para uma passagem por um destino intemporal.  O Open de ténis regressa ao Estoril em Abril e já pode comprar bilhetes. Até lá, aproveite o melhor da Costa do Sol.

Vista geral de Cascais
Fotografia: Ana Luzia
Coisas para fazer

20 coisas para fazer em Cascais

Para quem acha que em Cascais não há nada mais do que praias bonitas e ondas para surfar, temos duas mãos cheias de sugestões que provam o contrário e dão matéria para passar um dia completo na vila – sem tempo para pausas. 

Publicidade