A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Musa
© Diana Mendes

A Cerveja Musa faz cinco anos e a festa prolonga-se até domingo

Há cinco anos que a Musa nos mata a sede. Para celebrar, há uma cerveja nova, dois jantares de aniversário, muitos DJ sets, uma churrascada e um almoço de domingo.

Por
Luis Filipe Rodrigues
Publicidade

Parece que foi ontem, mas já passaram cinco anos desde que a Musa entrou nas nossas bocas. Alguns lembrar-se-ão daquela quinta-feira, 11 de Fevereiro, em que pudemos conhecer o cervejeiro Nick Rosich e as cervejas da Musa na Cerveteca. Outros, recordar-se-ão da festa de lançamento oficial, naquele armazém abandonado de Marvila que viria a ser a fábrica, a 13 de Maio. As primeiras memórias de outros ainda serão de encontrá-la nos supermercados e nos bares desta cidade, deste país. Foi há cinco anos, repetimos. A festa é hoje.

Para celebrar os seus cinco anos, a Musa lançou a nova Shiny Hoppy People, uma Double IPA com 7,8% de álcool, notas de citrinos e frutos do caroço, e três rótulos diferentes, decorados com as caras dos homens e mulheres que ajudaram a marca a crescer e a acompanharam ao longo do tempo. As primeiras 100 pessoas que hoje encomendarem pelo menos um pack de 12 cervejas da Musa na sua loja online recebem um six-pack com a nova criação. De prenda.

Mas não só. Há ainda um par de jantares de aniversário, marcados para esta quinta-feira, 13 de Maio, e com menu escolhido e confeccionado pelos jovens cozinheiros do colectivo New Kids On The Block. Na Musa da Bica, entre as 17.00 e as 22.00, Leonor Godinho, Pedro Abril e Tiago Cruz servem couve grelhada, cogumelo ostra Nãm, crumble, queijo da ilha; sandes de espada frito, molho tártaro; baozi, carbonade; rarebit, agrião, barriga fumada; asinhas de frango glaceadas com Musa; e pudim de stout.

Enquanto na Fábrica de Marvila, a partir das 19.00, são Pedro Monteiro, Octávio Delmonte, Natalie Castro e Zé Paulo Rocha que pegam nos tachos. Há caldo de frango assado, ervilhas, ovo, chouriço e pão frito; marineras murcianas (atum confitado, anchova e boqueron); fígados de frango, chouriço, vinagrete de mel; rabbit wings, hoisin mayo; couve flor e manga grelhadas, leite de coco fumado, aroma de curry e frutos secos; salada de ameixas, cebola roxa e coentros Beloura, ananás e morcela; rissol de caracol; e sticky toffee pudding.

A festa continua na sexta-feira. A partir das 17.00, há Cuca Monga Discos na Bica. Os DJs de serviço são Domingos Coimbra (Capitão Fausto), Madalena Tamen, Luís Ogando (ambos dos Reis da República), Luís Montenegro (Rapaz Ego) e Miguel Barreira (Ganso). E a acompanhar a música há taquitos, totopos, salsas e pãezinhos de queijo e malte. No Porto, os cinco anos celebram-se no Catraio.

No sábado, 15, a Fábrica vira Churrascaria Musa. Para comer, vai haver frango, coração e queijo coalho no espeto, spicy chicken wings, feijão verde à Bulhão Pato e pão de alho. Só falta mesmo o frango assado. Mas o melhor vem depois. Miguel (Caixeiro, mais conhecido como Mike El Nite) vai passar discos. Primeiro sozinho, depois com alguns amigos. Que amigos? É surpresa. Pelo meio, às cinco da tarde, há um concerto de João Não e Lil Noon, que este ano editaram, juntos, Terra-Mãe.

Os bravos que aguentarem até ao quarto dia de festa, no domingo, vão ser presenteados com feijoada e chorinho na Fábrica Musa. A comida é servida a partir das 13.00, mediante reserva. E a música começa a ser tocada pelo Choro da Fábrica às 16.00. A festa termina às 21.00. Enquanto isto acontece em Marvila, no Hops & Drops, na Aldeia da Praia, ouve-se um DJ set de Venga Venga.

+ Leia grátis a edição desta semana da Time Out Portugal: Esplanadas 

+ New Kids On The Block voltam à carga com refeições ao domingo no Queimado

Últimas notícias

    Publicidade