A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

A Fruta Feia chegou à margem sul

Por
Claudia Lima Carvalho
Publicidade

O projecto Fruta Feia, que nos últimos anos evitou que mais de 200 toneladas de fruta e legumes fossem para o lixo, chegou à margem sul esta semana. Ponha na agenda: a partir de agora, pode encontrar a Fruta Feia na Academia Almadense todas as terças-feiras das 17.00 às 21.00.

Esta é assim a nona delegação do projecto que surgiu de uma ideia de quatro amigos para aproveitar cerca de um terço da fruta e vegetais que os supermercados desperdiçam, por considerarem que não têm o aspecto que os consumidores procuram.

Na sua página de Facebook, lê-se que com este novo espaço em Almada, é possível “evitar o desperdício de cerca de 12 toneladas de frutas e hortícolas por semana”.

Em Lisboa, é possível encontrar a Fruta Feia à segunda-feira nos Anjos 70 (Regueirão dos Anjos, nº 70) e no Lagar em Telheiras (Rua Professor Francisco Gentil, nº 33), à terça-feira no Mercado do Rato (Rua Alexandre Herculano nº 64) e à quarta-feira na Trienal de Arquitectura de Lisboa (Campo de Santa Clara nº 144 – onde se realiza a Feira da Ladra).

Em Cascais, na Parede, há Fruta Feia à quinta-feira na SMUP (Rua Marquês de Pombal nº 319). Depois há ainda em Vila Nova de Gaia, Porto e Matosinhos.

As cestas de frutas e verduras só estão disponíveis para quem se fizer sócio da Cooperativa. Para Almada, ainda é possível inscrever-se e é melhor aproveitar porque as vagas são limitadas – neste momento, esta é a única sede da Fruta Feia a aceitar novos sócios, todas as outras têm uma longa lista de espera.

A oferta vai variando conforme a época do ano e a oferta dos agricultores da região e existem dois tipos de cestas: a pequena por 3,50€, com 3 a 4kg e sete variedades de produtos; e a grande por 7€, com 6 a 8kg e oito variedades.

+ Cabaz Time Out: este Natal damos-lhe uma cabazada

+ Os Amigos do Minho saem mesmo até ao final do ano

Últimas notícias

    Publicidade