Global icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right A nova loja do Príncipe Real é uma perdição para pais e filhos
Notícias / Vida urbana

A nova loja do Príncipe Real é uma perdição para pais e filhos

Bernardo
Fotografia: Inês Félix

Minimalista e versátil, a concept store Bernardo Atelier Lisboa inaugurou no Príncipe Real. Tem marca própria, designs estrangeiros com produção portuguesa e propostas para miúdos e graúdos, da moda à decoração.

A morada, na Rua Dom Pedro V, é a da antiga Mini by Luna, dedicada sobretudo a artigos para criança. Quando a loja de Araceli Piqué fechou portas, Alexandra Bernardo imaginou como seria dar nova vida ao espaço. “É muito bonito. Era cliente e, quando ficou livre, pensei: ‘Por que não?’” Nada foi restaurado: os diferentes pisos, as paredes, as divisórias, as portas e janelas são as mesmas. Mas a essência é outra.

“Abri a minha primeira loja há sete anos, [a Loja Real, na Praça do Príncipe Real] onde não havia praticamente nada. A ideia era ter diferentes marcas de decoração, mas também de moda, para homem, mulher e criança”, explica Alexandra Bernardo, apaixonada pelo conceito de slow retail. “A ideia é que a permanência na loja seja agradável. Podem sair sem comprar nada, mas demoram-se e voltam.”

Fotografia: Inês Félix

Na Bernardo Atelier Lisboa, há roupa, sapatos, brinquedos, decoração e objectos para todos. Mas a quantidade é propícia à exclusividade – sobretudo nas colecções de marca própria. “Tenho três filhos e, quando pensei em abrir a Loja Real, comecei a desenhar roupa para criança”, explica, ao mesmo tempo que mostra um fato de banho de favos de algodão, cor-de-rosa (35€). “As minhas filhas usaram até aos três anos. [Os fatos] esticam e duram verões.”

Actualmente, Alexandra também cria peças para senhora, dispostas num aparador central, numa paleta de cores que varia entre os pastéis, azuis e cinzas. “Muito básicas, em linho nacional, feitas em Portugal, com a marca Bernardo. Esta túnica com bolsos, por exemplo, é intemporal”, afirma, destacando ainda a colecção de calçado Loja Real. As alpercatas (25€-57,50€) – clássicas, às riscas, ou mais frescas, coloridas – são os sapatos ideais para os dias de Verão. “As pessoas associam as alpercatas a Espanha, mas nós também fazemos, tão boas ou melhor do que as dos espanhóis.”

Fotografia: Inês Félix

Não há artigo nenhum na loja que Alexandra não tenha experimentado primeiro. “Mesmo quando comecei com a colecção de criança, não havia nada que não tivesse experimentado nos meus filhos, inclusive calçado”, confessa. “Isso dá-me muito à-vontade para indicar ao cliente e partilhar a minha experiência. Se as botas davam para jogar à bola, se aguentavam chuva.” Depois, há ainda outras marcas nacionais e internacionais que procurou trazer para este novo espaço, como a Edmmond Studios, a Bloomingville, a Trendy e a Nümph.

“Tentei trazer marcas que ainda não havia nem em Lisboa nem em Portugal. Queria esse exclusivo porque acho que cada vez mais as lojas são todas parecidas umas com as outras.” Além da vertente de moda, há vasos em cerâmica e cortiça, cestos de verga, ilustrações emolduradas, sacos de pano, brinquedos de madeira, remos, artigos de papelaria e até colheres para mel. Os preços variam entre 1€ e 200€.

Com a chegada da Primavera cada vez mais próxima, Alexandra já começou a pensar no calor do Verão. “Tenho sempre túnicas de praia, fatos de banho de licra, toalhas, alcofas e outros acessórios.” Ainda não sabe, mas com jardim na parte de trás da Bernardo, talvez “possa fazer exposição de artigos de jardim ou pôr cadeiras para que as pessoas, depois de fazer as suas compras, possam descansar um bocadinho".

Rua Dom Pedro V, 74A (Príncipe Real). Seg-Dom 10.30-20.00.

+ As melhores concept stores em Lisboa

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments