A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Praia 19
DRPraia 19

A Praia 19 continua linda e recomenda-se

As tours, tal como o comboio da Caparica, estão paradas, mas a Praia 19 continua no mesmo sítio. Contamos-lhe mais sobre uma das praias gays mais famosas da Europa.

Por Clara Silva
Publicidade

Mykonos? Ibiza? Nada disso: Costa da Caparica. Este ano as férias são nacionais e a Praia 19, uma das últimas da Caparica, é um dos destinos preferidos da comunidade LGBT. A alguns metros da última praia com placa na Caparica antes da Fonte da Telha, a Praia da Belavista foi uma das primeiras em Portugal a oficializar a prática de nudismo e tornou-se conhecida pelo engate gay nas dunas. De tal maneira que vem mencionada em guias gays em várias línguas e é um destino popular para turistas. Ou melhor, era.

Em 2011, a Lisbon Beach Tours, empresa de roteiros turísticos em praias nos arredores da cidade, começava a organizar visitas guiadas à praia com um público gay. “Não é muito fácil lá chegar, e na altura o Rui Silva [fundador da empresa] começou a levar pessoas”, conta Diogo Cunha Matos, o actual responsável.

Até Outubro do ano passado, a empresa funcionava principalmente com turistas americanos, a maior parte a viajar sem acompanhante. “Já sabem que a praia existe e é um dos pontos a visitar”, continua Diogo. Agora, as tours estão paradas. “Não tem havido turistas, a carrinha levava oito pessoas e as reservas passaram para o próximo ano.”

A 29€ por pessoa, as tours, com ponto de encontro no Príncipe Real, incluem transporte para a praia, toalha (o chapéu de sol e as bebidas pagam-se à parte) e uma explicação sobre “a dinâmica do que se passa ali”, continua Diogo. Refere-se ao “cruising das dunas”, que tornou a praia popular para engates de Verão.

Ao final do dia, e antes do regresso a Lisboa, as tours continuavam no restaurante mais próximo, o Casa da Praia, na Praia da Belavista – esse, sim, aberto este ano.

Agora sem turistas, a 19 está com ainda menos gente. Mas não é tão fácil lá chegar, a não ser que vá de carro ou chame um Uber. O Transpraia, o comboio que percorre as praias da Caparica, era uma das melhores maneiras de visitar a praia e este ano não está em funcionamento. Aliás, a praia chama-se assim porque é aqui que fica a paragem 19 do comboio – e nos últimos anos devia-lhe muito. Quando em 2015 entrevistávamos António Pinto, gerente das famosas carruagens herdadas do pai, confessava-nos que tinha sido o turismo gay da praia a salvar o negócio. “Se não fossem eles já tínhamos fechado”, dizia. “São eles que ainda mantêm a chama viva.”

Além da Praia 19, a Praia da Adiça, também na Caparica, e conhecida como Praia da NATO, é popular entre a comunidade.

+ Há um oásis para descobrir no meio da cidade

Últimas notícias

    Publicidade