Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Abriu uma loja de vinis em Campo de Ourique com livros e comida à mistura
Notícias / Vida urbana

Abriu uma loja de vinis em Campo de Ourique com livros e comida à mistura

Chasing Rabbits
Inês Félix

Já ninguém tem dúvidas que o vinil veio para ficar – e a cidade tem cada vez mais espaços dedicados aos discos. O Chasing Rabbits é o mais recente, em Campo de Ourique. Aqui, além dos vinis, também há livros e uma cafetaria com petiscos – e um chocolate quente com sabor a cannabis!

"Um aliar de interesses. Gostamos de cozinhar para os amigos e a música está sempre presente", começa por explicar Bruno Brites, que abriu este espaço juntamente com Ana Pedroso. 

Bruno formou-se em Design Gráfico e Publicidade, área a que se dedicou durante cerca de 15 anos. Mas foi em 2007 que a sua ligação com a música se intensificou, quando começou a trabalhar como DJ. "Foi a partir de aí que surgiu o interesse de abrir uma loja como esta", acrescenta. Agora, vê o seu sonho materializado no 61A da Rua do Sol ao Rato, morada que se revelou ideal: “As pessoas receberam-nos com muito carinho. Acabámos por dar resposta a algo que faltava aqui no bairro, não só em termos musicais, mas também por ser um espaço onde as pessoas podem relaxar e conviver”, salienta.

A loja tem duas divisões principais – uma dedicada aos discos e livros e outra à cafetaria – com uma disposição interior que faz uma pequena alusão ao nome do espaço, Chasing Rabbits, “Uma espécie de toca, com várias secções." 

Inês Félix

A selecção de discos de vinil – novos e usados – vai do pós-punk ao new wave, com espaço para indie rock, rock alternativo e electrónica. Uma escolha cuidada e criteriosa. "Quisemos criar uma timeline com uma narrativa. São géneros que se foram influenciando ao longo dos tempos, com várias ligações e referências" diz Bruno. Das prateleiras em aço saltam os clássicos, como Kraftwerk, David Bowie ou Velvet Underground, mas também nomes mais recentes, como Metronomy, Arcade Fire ou Angel Olsen. O destaque vai para as edições especiais, covers e singles, mais difíceis de se encontrar. 

 

Inês Félix

 

 

 

 

Os livros, todos sobre música, são uma continuidade dos discos. "Contam a história do que está aqui à volta", refere Bruno. Na montra, moram alguns sobre os The Strokes, Peter Hook, David Bowie ou David Byrne, mas há muitos mais por descobrir pelos vários recantos da loja. Entre os discos e as leituras, aproveite também para espreitar a aparelhagem vintage com um gira-discos incorporado, uma autêntica relíquia em perfeitas condições, que se encontra ao fundo da sala. 

A Chasing Rabbits quer também ser o ponto de encontro de várias iniciativas culturais, incluindo apresentações de livros e showcases. 

 

Cesto de abacate com salmão fumado e ovo
Inês Félix

 

A cafetaria tem vários petiscos, pensados para um almoço leve ou um lanche reforçado. Há propostas fixas, como bolos, tostas, sandes e taças de iogurte, além de um menu rotativo com receitas especiais. O destaque vai para o cesto de abacate com salmão fumado e ovo (4.50€), a lasanha vegetariana de beringela (5.50€), o ninho de tortilha com “huevos rancheros” (6.00€) ou o croissant tostado com bacon, guacamole e ovo (4.50€). Para adoçar e aquecer, há o chocolate quente da casa, servido com chantilly e disponível em cinco versões: clássico, chocolate negro, hortelã, avelã, chocolate branco e o mais arrojado, com sabor a cannabis (3.00€). 

 

Chocolate quente de hortelã
Inês Félix

 

Prepare-se ainda para uma recepção especial quando entrar nesta loja: a Grace, uma cadelinha Border Collie, faz questão de ir cumprimentar todos os clientes da casa. Claro está que o espaço é pet friendly e por isso o seu amigo de quatro patas também é sempre bem-vindo a entrar. 

A loja abriu no dia 3 de Novembro e por isso o horário ainda está a ser ajustado. Este mês, excepcionalmente, a Chasing Rabbits está aberta ao domingo, das 10.30 às 20.30. Texto editado por Vera Moura

Rua do Sol ao Rato 61A (Campo de Ourique). Ter-Sex 9.30-19.30, Sáb 10.30- 20.30.

Dez lojas para comprar discos de vinil em Lisboa 

Publicidade
Publicidade