A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

“Accio” Harry Potter: a saga toda chega à Netflix

Por Raquel Dias da Silva
Publicidade

Oito anos após o fim da saga, todos os filmes vão ficar disponíveis na plataforma de streaming. A partir de 1 de Fevereiro, pode pousar a vassoura – as tarefas domésticas ficam para outra altura – e matar saudades dos seus feiticeiros preferidos (com uma maratona, se quiser).

O primeiro romance de fantasia de J. K. Rowling foi lançado em 1997. A popularidade e a aclamação da crítica não tardaram a chegar, com as últimas quatro obras a serem consideradas as mais vendidas da História. Em 2011, o universo mágico de Harry Potter transportou-se para o cinema, com o então desconhecido Daniel Radcliffe no papel principal. Oito filmes depois, duas prequelas e muito merchandising, a saga vai chegar finalmente à Netflix depois de muitos pedidos dos fãs. 

Membros de Gryffindor, Ravenclaw, Hufflepuff ou Slytherin, preparem a maratona.

A franquia cinematográfica – composta por Harry Potter e a Pedra Filosofal, Harry Potter e a Câmara dos Segredos, Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban, Harry Potter e o Cálice de Fogo, Harry Potter e a Ordem de Fénix, Harry Potter e o Príncipe Misterioso e a primeira e segunda parte de Harry Potter e os Talismãs da Morte – foi baseada nos setes livros homónimos, publicados entre 1997 e finais dos anos 2000.

O enredo acompanha as aventuras de um jovem que recebe um convite, no seu 11.º aniversário, para estudar na Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts. Aparentemente normal (isto é: míope e com uma família disfuncional), Harry é afinal filho de um feiticeiro e está destinado a grandes feitos, sempre acompanhado pelos seus fiéis companheiros Hermione Granger (Emma Watson) e Ron Weasley (Rupert  Grint).

+ Óscares: "A Favorita" e "Roma" destacam-se com dez nomeações cada

+ Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa newsletter e receba as notícias no email

Últimas notícias

    Publicidade