A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Filme, Cinema, Comédia, Fantasia, Terror, Bingo Hell (2021)
©DRBingo Hell de Gigi Saul Guerrero

Amazon entra no espírito do Halloween com quatro filmes de terror

‘Welcome To The Blumhouse’ está de regresso com uma nova leva de quatro filmes: ‘Bingo Hell’ e ‘Black as Night’ a 1 de Outubro, e ‘Madres’ e ‘The Manor’ a 8.

Escrito por
Hugo Torres
Publicidade

Um ano depois, as sessões duplas de terror estão de regresso à Amazon Prime Video. A série antológica Welcome To The Blumhouse tem quatro novos filmes prestes a estrear, dois a dois. A 1 de Outubro, sexta-feira, são disponibilizados Bingo Hell e Black as Night na plataforma. Uma semana mais tarde, no dia 8, é a vez de Madres e The Manor entrarem em cena para nos tentarem eriçar o pêlo. Os filmes passeiam-se entre o terror e o thriller psicológico, com histórias e premissas diversas, de vampiros a forças sobrenaturais, tendo como particularidade o facto de serem realizados maioritariamente por mulheres. Não se pode falar de temporadas no que toca a Welcome To The Blumhouse. Ainda assim, os dois conjuntos de filmes são agrupados pela Blumhouse sob os chapéus da família e do amor (os de 2020) e das fobias e do terror institucional (os deste ano). A Blumhouse é a produtora que assina este “original” da Amazon e tem no catálogo um assinalável leque de filmes do género – de Actividade Paranormal e Um Coração Normal a Foge ou O Homem Invisível –, mas também dramas como Whiplash – Nos Limites (Damien Chazelle, 2014) e BlacKkKlansman: O Infiltrado (Spike Lee, 2018), com os quais foi nomeada para o Óscar de Melhor Filme. Mais recentemente, produziu a série Fall River.

Na estreia, a saga Welcome To The Blumhouse foi recebida com pouco entusiasmo, chegando-se a questionar se a produtora estaria aqui a despejar ideias sem arcaboiço para o grande ecrã. Agora que vão chegar os últimos capítulos desta parceria com a Amazon, espera-se que corrija essa impressão nos espectadores. Desde logo com Bingo Hell e Black as Night. Realizado por Gigi Saul Guerrero, o primeiro conta a história de uma activista sénior, Lupita (Adriana Barraza), que se insurge contra o empresário que tomou conta do bingo local, onde os prémios vão aumentando mas com um preço demasiado elevado: sempre que se grita “bingo!”, morre uma pessoa. A promessa é a de “um filme de terror perverso com twist diabólico mas divertido”. Já Black as Night, de Maritte Lee Go, tem um mal bem mais evidente (embora sem reflexo): vampiros. Centra-se na jovem Shawna (Asjha Cooper), de 15 anos, que jura vingança quando a mãe é atacada e acaba por se ver apanhada numa centenária batalha pelo domínio de Nova Orleães. Trata-se de “um filme de acção e terror com forte consciência social e um sentido de humor cortante”.

Na sexta-feira seguinte, Ryan Zaragoza (o único homem a sentar-se na cadeira do realizador neste lote de filmes) apresenta Madres, que segue Beto (Tenoch Huerta) e Diana (Ariana Guerra), à espera do primeiro filho, na mudança para uma pequena localidade rural na Califórnia dos anos 1970. Diana começa a ser assombrada por terríveis pesadelos e vai descobrir “uma verdade muito mais inquietante e aterrorizadora do que poderia imaginar”. Por fim, The Manor, promovido como “um conto gótico de terror com um toque moderno”. Esta história escrita e dirigida por Axelle Carolyn centra-se em Judith Albright (Barbara Hershey), que é internada num lar depois de sofrer um acidente vascular cerebral. Com os pacientes a morrer misteriosamente, Judith alerta para a presença de uma força maléfica no local. Mas toda a gente acha que ela está a ficar demente, incluindo o próprio neto.

Dito isto, resta decidir o calendário. Apesar de ser possível ver os quatro filmes a 8 de Outubro, talvez queira guardá-los para uma ocasião especial: o Dia das Bruxas – vulgo Halloween – está aí a chegar e diz que o medo vai muito bem com um docinho.

Amazon Prime Video. Sex (Estreia T2)

+ “O Livro de Boba Fett”: nova série Star Wars chega no final do ano

+ Leia a Time Out Portugal desta semana: Grátis, grátis, grátis!

Últimas notícias

    Publicidade