Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Bailarinos invadem ruas de Lisboa com tetris humano
Notícias / Vida urbana

Bailarinos invadem ruas de Lisboa com tetris humano

bodies in urban spaces
Willi Dorner Kopenhagen, July, 2017

Bailarinos dançam, enrolam-se, esticam-se, correm e saltam por Lisboa fora – é cenário digno de acompanhar com atenção, até porque não é todos os dias que o coreógrafo Willi Dorner traz a Portugal um dos seus espectáculos. Bodies in Urban Spaces vai invadir as ruas da cidade esta terça-feira, 8, com uma performance que começa no Cais do Sodré. 

Bodies in Urban Spaces é um projecto que chega pela primeira vez a Lisboa e ocupa as ruas em forma de manifestação cultural e performativa. O austríaco Willi Dorner convidou 20 bailarinos portugueses a dar o corpo ao manifesto numa coreografia que desafia os limites arquitectónicos de Lisboa, numa sucessão de movimentos encadeados, com grande rapidez e que duram apenas alguns instantes. Ao mesmo tempo os espectadores podem acompanhar o espectáculo na rua. 

A performance começa cedo, às 09.30, em frente à estação do Cais do Sodré, e daí segue para a zona do Parque Eduardo VII (entrada Sul/ Nascente do parque de estacionamento), às 12.30, e jardins do Campo Pequeno, às 17.30 – aqui para o espectáculo final à entrada da Culturgest. 

A performance é também um convite a quem vive na cidade a que estabeleça uma relação mais forte com o bairro onde vive, por exemplo, tendo mais atenção ao espaço que o rodeia, ao ambiente urbano e arquitectónico de que as cidades são feitas. É olhar o espaço de forma diferente para o viver de forma diferente. 

O espectáculo já passou por mais de uma centena de cidades, de Nova Iorque a Moscovo, de Paris a Copenhaga, de Berlim a Sydney. A iniciativa é uma parceria da Caixa Geral de Depósitos com a VMLY&R BATES, em associação com Willi Dorner. 

+ Benfica é o novo centro de criatividade e inovação em Lisboa

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments