A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Copa - bar em Santos
Gabriell Vieira

Bares e discotecas reabrem a 1 de Outubro, a tempo do fim-de-semana e do feriado

O sector tem ordem de abertura para a próxima sexta-feira, dia 1 de Outubro. Mas a entrada vai acontecer apenas mediante apresentação do certificado digital.

Escrito por
Joana Moreira
Publicidade

É a notícia que os proprietários de bares e discotecas há muito esperavam receber. A partir de 1 de Outubro, bares e discotecas podem reabrir, anunciou o primeiro-ministro António Costa, na quinta-feira à tarde, após a reunião do Conselho de Ministros.

Estes locais voltam assim aos seus horários habituais, sem qualquer limitação. Para entrar nos espaços nocturnos é necessário apresentar o certificado digital. 

"O passo que damos é enorme. São praticamente as únicas actividades que desde o início desta pandemia têm estando permanentemente fechadas, porque todos sabemos que implicam uma grande proximidade com as pessoas, uma interacção entre as pessoas", disse o primeiro-ministro na mesma conferência de imprensa.

Quanto à necessidade da apresentação do certificado de vacinação, António Costa justificou-se: “A opção era tornar a máscara obrigatória. Creio que todos compreendemos que não faz sentido e portanto a exigência do certificado. O desejo que temos naturalmente é que esta seja uma condição que com o tempo possa seguramente desaparecer.

Esta medida faz parte da última fase do levantamento de restrições, que inclui também novidades para o sector da restauração. Os restaurantes deixarão de estar sujeitos a um limite máximo de pessoas por grupo e o certificado digital deixa de ser exigido. 

+ Os novos bares em Lisboa que tem mesmo de conhecer

+ Leia a edição digital da Time Out Portugal desta semana

Últimas notícias

    Publicidade