A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Bavan
LUIS NOBRE GUEDES

Bavan: a marca de vestidos de festa intemporais para todo o tipo de mulheres

A marca quer ser sustentável aproveitando todo o tecido na confecção, que é também feita por costureiras qualificadas, e o stock também será limitado.

Por
Francisca Dias Real
Publicidade

O mercado dos vestidos de festa é vasto, mas nem sempre está à mão de semear de todos. A Bavan vem dar resposta a uma procura nessa área e traz peças elegantes para todo o tipo de mulheres, desenhadas e produzidas em Portugal. 

Chegar a um casamento, baptizado ou evento digno de formalidades e avistar alguém com um modelito igual ao seu nunca é bom sinal. E para fugir aos achados de fast fashion, as amigas e sócias Joana Barreiros, Pilar Vasconcelos e Francisca Espírito Santo juntaram forças e ideias para pôr de pé a Bavan, uma marca criada por mulheres e para mulheres. Linhas simples, movimentos fluídos e cortes originais definem o que vem a ser esta nova marca portuguesa. 

“Somos amigas e partilhávamos sempre aquele drama de não encontrarmos vestidos de festa ao nosso gosto, existia essa lacuna no mercado e ou mandávamos vir de sites estrangeiros ou íamos sempre às mesmas lojas”, explica Joana. “Muitas vezes acabávamos nós a mandar fazer os nossos vestidos em costureiras, à nossa medida”.

Foi aí que viram uma janela de oportunidade: se estas amigas se sentiam assim, outras tantas mulheres partilhariam do mesmo problema. “A ideia surge daí, por que não ter uma marca com produção local? Queremos oferecer peças elegantes mas com um toque atrevido e jovial”, diz. 

Os tecidos são também comprados em Portugal, todos de qualidade superior, e todo o processo de estampagem e tingimento é decidido pelas três e feito por cá também. 

Bavan
LUIS NOBRE GUEDES

E alinhada com as necessidades que se impõem do lado da indústria da moda, também a Bavan quer assumir uma posição ética e uma abordagem consciente no que toca à sua produção, apresentando-se como uma alternativa à moda rápida que é, por sua vez, cada vez mais descartável. A quantidade de cada modelo produzido é limitada, sendo que é utilizada a totalidade do tecido para evitar desperdício do mesmo. 

“Investimos em tecidos de qualidade para que durem, optámos por uma abordagem mais ética e que faz cada vez mais sentido no mundo da moda”, refere. “São vestidos intemporais, não precisam de tendências para continuarem a ser usados”. 

A colecção de estreia prova isso mesmo – Timeless Collection. É composta por oito modelos diferentes, alguns disponíveis em diferentes cores, e todos eles com traços arrojados mas simultaneamente intemporais, para poder usar em várias ocasiões ao longo de vários anos. Esta primeira leva inspira-se no universo feminino, mais concretamente no grupo de amigas que rodeiam as fundadoras da marca. Cada vestido reflecte a personalidade, o gosto e a forma de estar na vida da pessoa que lhe dá nome, do vestido Pilar ao vestido Xica, do vestido Mada ao vestido Sofia. 

Bavan
LUIS NOBRE GUEDES

“Temos um grupo de amigas desde o liceu e, no fundo, foi nelas que nos inspirámos para desenvolver esta colecção”, conta Joana. “Temos todas gostos diferentes e corpos diferentes, por isso começámos a imaginar um vestido que cada uma delas pudesse vestir, para que tivéssemos um leque vasto de modelos”.

Os preços dos vestidos variam entre os 158€ e os 210€ e estão disponíveis nos tamanhos XS ao L, sendo que os modelos se adaptam aos diferentes tipos de corpos e silhuetas. A ideia é que seja lançada uma colecção a cada estação, sendo que as encomendas são feitas apenas no site da marca e enviadas em embalagens 100% biodegradáveis. 

+ Leia aqui a nova edição da Time Out Portugal e saiba como ser turista na própria cidade

+ As melhores lojas de vestidos para festas e casamentos

Últimas notícias

    Publicidade