A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Mosteiro dos Jerónimos
Fotografia: Arlindo CamachoMosteiro dos Jerónimos

Belém Art Fest: conheça as novidades do festival que leva a música aos museus

Por
Francisca Dias Real
Publicidade

À noite os turistas escondem-se e os lisboetas tomam Belém de assalto. O Belém Art Fest este ano chega mais cedo à zona ocidental da cidade, ocupando os museus nas noites de 27 e 28 de Julho.  

Este festival não é um bebé, já vai na sua sétima edição e, este ano, conta com palcos em sítios como o Claustro do Mosteiro dos Jerónimos, o Museu Colecção Berardo, o Museu Nacional de Arqueologia, o Picadeiro do Museu dos Coches e ainda o Jardim da Praça do Império, onde ao longo de dois dias a música, a arte e o património se unem, neste ano em que se celebra o Ano Europeu do Património Cultural.

A 27 é dia de receber Témé Tan, artista natural da República Democrática do Congo, no Museu Nacional de Arqueologia. No mesmo dia, no Mosteiro dos Jerónimos há uma actuação de Marcelo Camelo e Dengue Dengue Dengue no Museu Berardo. Selma Uamusse leva as suas raízes Africanas ao magnífico palco do Claustro do Mosteiro dos Jerónimos, também no dia 27.

No segundo dia de festival, Mike el Nite, que lançou este ano o single Dr. Bayard, apresenta-se no Museu Berardo. Anna Leone, que já fez uma passagem pelo A Colors Show, o conhecido canal de youtube que já revelou artistas como Mahalia e Jorja Smith, actua no mesmo dia no Museu Nacional de Arqueologia.

Ainda no dia 28, Guilherme Kastrup, produtor dos discos de Elza Soares “A Mulher do Fim do Mundo” e do “Deus é Mulher”, leva o seu projecto autoral Kastrupismo ao Museu Nacional de Arqueologia. Filipe Monteiro, de nome artístico Tomara, actua também a 28 no Picadeiro Real.

O cartaz ainda não está fechado, mas conte também com visitas guiadas nocturnas, uma feira de artesanato e um espaço de street food.

Vários locais de Belém. 27 e 28 de Julho a partir das 19.30. 30€

+ Guia completo de festivais de Verão 

Últimas notícias

    Publicidade