A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Caffè Bar Garibaldi: há um novo café 100% italiano em Campo de Ourique

Por
Ines Garcia
Publicidade

A nova cafetaria/pastelaria de Campo de Ourique chama-se Caffè Bar Garibaldi e serve pequenos-almoços e aperitivos italianos.

Chiara Ferro é uma cozinheira italiana de mão cheia, mas até há um mês não sabia fazer doces do país-natal. Não gosta de sobremesas mas depois de abrir no bairro típico da Madragoa um dos melhores restaurantes italianos da cidade, a Osteria, com Tânia Martins, decidiu que queria dar a conhecer aos portugueses o pequeno-almoço transalpino e dedicou-se à arte da pastelaria fina italiana. E daí nasceu o Caffè Bar Garibaldi, em Campo de Ourique.

“Ir beber o café é como entrar noutra divisão da própria casa e era importante ser um num bairro que não fosse turístico, É um local onde entramos e as pessoas já sabem o que vamos pedir”, diz Chiara, que entrou no negócio da manhã com Letícia de Melo e Simona Ramella. 

Além de toda a cafetaria italiana, do cappuccino, café italiano, marocchino (café com chocolate italiano e creme de leite, 2,50€) e ao chocolate quente de Turim, mais espesso que o normal, há tarteletes de fruta fresca e com creme pasteleiro caseiro (0,90€ a unidade), feitas todos os dias por Chiara, conforme os os produtos frescos que compra – no dia em que visitamos o Caffè Bar Garibaldi havia tarteletes de kiwi e maçã verde, mousse de chocolate e banana, menta e chocolate ou framboesa.

Marocchino, com café, chocolate quente e doce de leite
Fotografia: Manuel Manso

Há também croissants, panini, taças de tiramisù (2,90€), zuppa inglese (um antepassado do tiramisu, com creme pasteleiro de chocolate e um licor “delicado e feminino” 2,90€), bombolinos alla panna, com chantilly caseiro, com menos açúcar também e mais sabor a leite. Também o creme pasteleiro é menos doce que o tradicional português, com ¼ do açúcar do normal e uma sensação de leveza maior.

Na bonita vitrine da cafetaria, com uma fachada toda em madeira, estão todas as versões em miniatura mas pode – “e deve”, reforça Chiara – encomendar em tamanho para levar para casa, qualquer que seja o doce. A vertente encomenda e takeaway é, aliás, umas das coisas em que querem apostar, uma vez que o espaço interior não tem lugares para sentar – apenas um balcão para tomar o pequeno-almoço – e o exterior tem duas mesas (cresce para quatro quando os vizinhos da Fromagerie Mâitre Renard estão de portas fechadas).

Ao final da tarde têm outra tradição bem italiana, os aperitivos, do Martini ao Negroni, Crodino e Aperol e cervejas italianas.

O interior do Caffè
Fotografia: Manuel Manso

Atenção que o nome Garibaldi da cafetaria de Chiara, Letícia e Simona, cuja decoração foi feita por Tânia Martins e inclui uma Cicciolina dos anos 1980, nada tem a ver com o doce tradicional garibaldi, com chocolate, que já muita gente passou a pedir – mas Chiara admite, até, que vai pôr mãos à obra para aprender a fazer e fazer jus ao nome.

Rua Ferreira Borges, 30A (Campo de Ourique). 93 444 5103. Ter-Sex 09.00-20.00. Sáb 10.00-20.00. Dom 10.00-19.00.

Últimas notícias

    Publicidade