A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Dia Mundial da Poesia
Casa Fernando Pessoa

Campo de Ourique convida fregueses a pendurar poemas à janela

Não haverá a habitual feira no Jardim da Parada, mas há poemas à janela, “fazendo de Campo de Ourique um bairro de poesia”.

Por
Raquel Dias da Silva
Publicidade

A Casa Fernando Pessoa e a Junta de Freguesia de Campo de Ourique juntaram-se para produzir estandartes com frases de poetas portugueses, que os fregueses podem pendurar à janela. A ideia é celebrar o Dia Mundial da Poesia, a 21 de Março.

Este ano, estando a Casa Fernando Pessoa de portas fechadas, não se realizará a habitual Feira do Livro de Poesia, no Jardim da Parada, mas a iniciativa “Poesia Estendida” convida os fregueses a escolherem versos curtos ou expressões dos poetas que mais gostarem e pendurarem, para se fazer de Campo de Ourique “um bairro de poesia”.

Para levantar um estandarte, bastará ir à Biblioteca/Espaço Cultural Cinema Europa (Rua Francisco Metrass, 28). Depois só terá de o pendurar na varanda ou à janela. “Sê todo em cada coisa”, de Ricardo Reis, “Passa tanto tempo num minuto”, de Fernando Assis Pacheco, ou “É a casa do mundo”, de Luiza Neto Jorge, são alguns dos versos disponíveis e que também poderá consultar na página da Casa Fernando Pessoa, onde é possível aceder à transcrição do poema completo.

Na fachada da Casa Fernando Pessoa, estão já também cada um dos versos que compõem esta “Poesia Estendida”. Em paralelo, a casa-museu, que espera reabrir portas a 6 de Abril, organiza a oficina online Poesia das Coisas Simples (25€), moderada por Teresa Lima. A próxima sessão realiza-se no sábado, 20 de Março, entre as 15.00 e as 17.00. A inscrição deverá ser feita através deste formulário.

+ Seis programas para celebrar o Dia Mundial da Poesia

+ Leia já, grátis, a edição digital da revista Time Out Portugal desta semana

Últimas notícias

    Publicidade