Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Campolide vai ter um dos edifícios mais altos de Lisboa

Campolide vai ter um dos edifícios mais altos de Lisboa

Publicidade

A Infinity Tower terá 26 andares, num investimento de 80 milhões de euros. É um dos 50 projectos que vão mudar a face de Lisboa até 2030, tema da revista que chega às bancas esta quarta-feira.

Está em fase de licenciamento uma torre de 26 andares a construir em Campolide. Quando ficar concluída, previsivelmente em 2022, será um dos edifícios mais altos de Lisboa. Os seus 80 metros de altura vão rivalizar com as vizinhas Twin Towers, também em Campolide, mas ficarão significativamente abaixo dos imponentes 145 metros da Torre Vasco da Gama (Parque das Nações), o edifício mais alto do país.

O projecto é de Miguel Saraiva. “Vai ser um marco e se há algum sítio na cidade de Lisboa que pode ter um marco é aquele, por causa da diferença de escala que existe em relação à envolvente. Todas as vias são muito grandes, todos os espaços são muito grandes, é uma área que respira e por isso absorve perfeitamente um objecto destes”, disse o arquitecto, em Dezembro, em entrevista ao Diário de Notícias.

A Infinity Tower será destinada a habitação, num total de 53.184 metros quadrados. As tipologias vão do T1 ao T5, com os pisos superiores reservados a apartamentos duplex de luxo. Mas a ideia, explicou ainda Miguel Saraiva ao DN, “criar uma cidade dentro da própria cidade”. A promotora é a Vanguard Properties.

Esta é uma das obras que vão transformar a paisagem de Lisboa na próxima década. A cidade tem intervenções planeadas de uma ponta à outra. Na revista desta semana, que chega esta quarta-feira às bancas, mostramos-lhe 50 projectos que o vão levar numa viagem ao futuro – incluindo um exclusivo: revelamos, em primeira mão, o projecto vencedor para a Praça de Espanha

Na revista que chega quarta às bancas temos também uma entrevista de quatro páginas ao presidente da câmara, Fernando Medina, que fala dos seus planos para melhorar a qualidade de vida dos lisboetas, em particular nas questões ligadas à mobilidade.

+ As Amoreiras vão ter um novo edifício a marcar a paisagem de Lisboa

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade