A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Bicicletas ao pé do Tejo
Arlindo CamachoBicicletas ao pé do Tejo

Compra de bicicletas volta a ser apoiada pela Câmara de Lisboa

O programa deverá começar a aceitar candidaturas já em Fevereiro ou início de Março.

Por Helena Galvão Soares
Publicidade

Depois do sucesso do programa de apoio à aquisição de bicicletas, que aceitou candidaturas entre Agosto e Novembro de 2020 e ajudou à compra de 3300 bicicletas, a Câmara Municipal de Lisboa decidiu reabri-lo este ano.

A edição de 2021 traz várias novidades, uma das quais é que se estende também à reparação de bicicletas. O programa apoia a 50% as despesas até 80 euros na compra de materiais para pequenas reparações, permitindo assim que os lisboetas que já possuem bicicletas que estavam paradas as possam pôr funcionais.

Também há boas notícias para as famílias. Todas as bicicletas de carga, nome genérico que inclui as bicicletas com atrelado para transporte de crianças, passam a ser apoiadas. O programa do ano passado apoiava exclusivamente a compra de veículos eléctricos e agora estende-se aos convencionais, incluindo ainda a compra de acessórios de segurança.

Além disso, o programa alarga-se a entidades sem fins lucrativos e às juntas de freguesia do concelho de Lisboa, que agora poderão candidatar-se.

Uma última boa notícia: quem comprou uma bicicleta depois de Novembro do ano passado e já não pôde usufruir deste apoio vai poder candidatar-se agora e receber a comparticipação camarária retroactivamente.

Miguel Gaspar, vereador da Mobilidade, Segurança, Economia e Inovação da Câmara de Lisboa, prevê que o programa reabra até final de Fevereiro, início de Março.

+ Leia, grátis, a Time Out Portugal desta semana

+ Ciclovias em Lisboa. Só precisa de pedalada para percorrer a cidade

Últimas notícias

    Publicidade