Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Lula Pena, Samuel Úria e Carlão. Conversas, exposições e cerveja: é o Microsons em Oeiras
Notícias / Vida urbana

Lula Pena, Samuel Úria e Carlão. Conversas, exposições e cerveja: é o Microsons em Oeiras

Samuel Úria
©Inês Félix Samuel Úria

A palavra será o fio condutor, a guitarra o instrumento nuclear. Durante pouco mais de uma semana, com intervalos pelo meio, músicos experientes e artistas emergentes vão juntar-se para promover a arte da poesia musicada.

O Festival Microsons terá lugar no Parque dos Poetas, em Oeiras, entre 5 de Abril e 25 de Maio. A programação, atenta à actualidade da música portuguesa, promete oito concertos intimistas, conversas soltas e microfone aberto, exposições e muita cerveja artesanal.

A festa arranca já este mês, com a inauguração da exposição fotográfica Bandas Sonoras, de Rita Carmo. Às 19.30, a actriz Ana Água vai conversar sobre poesia e desejo, com o jornalista Nuno Miguel Guedes, e estará também a representar o projecto A Favola da Medusa, que combina música improvisada e poesia. Às 21.30, a cantora Lula Pena sobe ao palco do auditório do Templo da Poesia.

No dia seguinte, 6 de Abril, José Rui Rosário apresenta o livro 50 voltas ao Sol, às 19.30. Poderá esperar ainda uma sessão de poesia, acompanhada por uma guitarra. O concerto, novamente às 21.30, é de João Morais, conhecido como O Gajo, que edita este ano quatro EPs – Rossio (saiu em Janeiro), Santa Apolónia, Alcântara-Terra e Cais do Sodré.

Seis dias depois, tempo suficiente para começar a sentir saudades de uns bons microsons, a animação volta ao Parque dos Poetas. Além da apresentação de um livro e de uma sessão de poesia, António Manuel Ribeiro músico – cantor, poeta e líder da banda portuguesa de rock UHF – estará responsável pelo concerto marcado para 12 de Abril, à hora de sempre.

Para fechar o mês de Abril, no dia 13, marcou-se uma conversa com Luís Carvalho, que editou recentemente o livro-disco Por Um Amor Que Nos Desune e é poeta e mentor dos Dead Flowers, um grupo de spoken word. À noite, os holofotes estarão concentrados na sonoridade indie rock de Pedro e Os Lobos, projecto a solo do músico português Pedro Galhoz.

Em Maio, há concertos de Carlão (10 de Maio), Tomara (11 de Maio), Samuel Úria (24 de Maio) e Cristóvam (25 de Maio). Mas o resto do programa ainda não foi divulgado. A entrada é livre entre as 19.30 e as 20.30 e os bilhetes para os concertos (8€) podem ser adquiridos aqui ou no próprio local.

+ Os concertos mais aguardados de 2019

Publicidade
Publicidade