Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Constança Cordeiro vai transformar comida em bebida no Prado

Constança Cordeiro vai transformar comida em bebida no Prado

Publicidade

A arte de Constança Cordeiro, a bartender que responde pelo nome artístico de Raposa Silvestre, está em transformar a comida em bebida. Pode não parecer uma ideia apelativa, mas Constança conhece a arte da mixologia e é isso que vai mostrar no Prado a 1 de Março. Cinco clichés portugueses que não achamos estranho ver no prato vão estar no copo.

O jantar vai assumir a forma de uma conversa, explica Constança à Time Out: vão ser 16 convidados sentados à volta da mesma mesa enquanto a bartender vai explicando o processo de cada bebida e as relações entre os tais clichés – ingredientes muito usados pela gastronomia portuguesa – e os cocktails que se vão beber. A ideia é ter um pouco do ambiente descontraído que, a partir de Maio, se encontrará no Toca da Raposa, o bar junto ao Largo do Carmo que vai fixar esta Raposa Silvestre a Lisboa.

Neste jantar no Prado entre os cinco cocktails vai estar um dedicado ao bacalhau, outro ao ovo enquanto elemento essencial da doçaria conventual e o vinho tinto, que sendo uma bebida vai ser totalmente desconstruído — neste cocktail não vai haver vinhos, promete Constança, mas antes um conjunto de líquidos furtados para atingir sabores muito semelhantes.

Assim se vai perceber a filosofia de serviço que Constança quer o seu bar lisboeta. Quando às bebidas, neste jantar serão mais desafiantes e para o seu espaço promete "criações menos fora", diz. A acompanhar os clichés portugueses da Raposa, vão ser servidos cinco snacks de António Galapito, chef do Prado, sem nenhum lógica de harmonização com os cocktails.

Prado, Travessa das Pedras Negras, 2 (Sé). 1 de Março, 20.00. Preço: 55€ por pessoa. Reservas em pradorestaurante.com

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade