A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Da Bairrada até Lisboa, o Piglet & Co é a nova casa do leitão (e não só)

Por Tiago Neto
Publicidade

A aposta é simples: trazer a Lisboa o melhor leitão à moda da Bairrada sem filas e sem perder tempo. A ele, junta-se o bacalhau à portuguesa, o pão-de-ló de Alfeizerão, as quiches vegetarianas ou os pastéis de nata da Aloma, feitos na hora.

Maria João Alves, Fátima Vinagre e Paula Mega não tinham experiência na área da restauração. Contudo, a ideia do negócio acabou por se sobrepôr, depois de perceberem a falta de oferta de um conceito que, mais a norte, já vai sendo comum. "Lembrámo-nos que já existia este conceito de comida confeccionada – em Fátima, na Bairrada – e imaginámos proporcionar uma experiência gastronómica portuguesa num sítio como este, perto de turistas", explica Maria João.

Fotografia: Manuel Manso

O restaurante nasce assim, como uma resposta necessária que tem na simplicidade da oferta o valor maior. "Queríamos proporcionar uma refeição típica portuguesa mas relativamente rápida. Por exemplo, se for à Bairrada almoçar um leitão, não demora menos de uma hora e meia, duas", mas ali o objectivo é poupar tempo sem comprometer a genuinidade do produto. "Recebemos o leitão três vezes por dia, à hora de almoço e ao jantar duas vezes", mas nem só de carne se faz a carta.

O leitão à Bairrada
Fotografia: Manuel Manso

"O nome Piglet & Co é precisamente a pensar que eventualmente podíamos acrescentar mais coisas, então passámos a ter o bacalhau à portuguesa (11,50€) que tem batata, couve portuguesa, grão de bico e ovo, para termos uma alternativa de peixe", aponta a ex-marketeer, acrescentando também o destaque para as quiches vegetarianas. "Assim conseguimos dar resposta a toda a gente".

À noite, porém, as refeições perdem o carácter da rapidez e o Piglet & Co acomoda jantares mais demorados. "Temos muito alojamento local nesta rua e as pessoas acabam por passar para jantar, com mais calma. Daí que até estejamos a trocar o mobiliário. Percebemos que este conceito rápido faz muito sentido para o almoço mas não tanto para o jantar".

Bacalhau à portuguesa
Fotografia: Manuel Manso

Para provar, a carta começa com duas entradas: queijo da serra do Fundão (5,50€) e patés, de bacalhau e leitão (1,50€). Nos pratos, o leitão assado à Bairrada "que acaba por ser mais conhecido do que o de Negrais, e por isso é que apostamos nele", chega em prato ou em sanduíche, e há ainda o bacalhau (11,50€). Nas sobremesas, "temos o pastel de nata (1,50€) que fazemos aqui todos os dias e os pães de ló de Alfeizerão, de ovo e chocolate (2,20€).

Pães de ló de chocolate e ovo
Fotografia: Manuel Manso

Pode ainda optar por um dos cinco menus. O primeiro, com queijo da serra, leitão assado à Bairrada, bebida e pastel de nata (19,90€), o quarto, com sanduíche de leitão, salada, bebida e café (11,90€) ou o menu de quiche de legumes com salada, bebida e café, 6,90€).

Rua da Condessa, 12 (Chiado). Ter-Sáb 10.00-22.00 (Sex-Sáb 10.00-23.00 de Julho a Agosto).

+ Chutnify abre segundo restaurante indiano moderno no Bairro Azul

Últimas notícias

    Publicidade