Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Diga buenos dias no Chérie Paloma com pequenos-almoços mexicanos
Notícias / Comida

Diga buenos dias no Chérie Paloma com pequenos-almoços mexicanos

Chérie Paloma
©Manuel Manso

Há um novo queridinho para pequenos-almoços (e não só) em Lisboa. Os donos do minimalista Dear Breakfast abriram um novo espaço, o Chérie Paloma.

Nem todas as manhãs têm de começar com uma meia de leite ou uma bica, também pode pegar numa margarita e dar os buenos dias com sotaque. É esse um dos objectivos do novo Chérie Paloma, em Santos, um café-restaurante mexicano para todas as horas do dia.

 

Huevos rancheros
Fotografia: Manuel Manso

 

“Há uma nova moda com a comida mexicana, mas este conceito vai um bocadinho além dessa tendência”, explica Julien Garrec, o dono, responsável também pelo Dear Breakfast, o café luminoso na Rua das Gaivotas que abriu em 2017 para mostrar que se pode comer o pequeno-almoço a qualquer hora. Aqui a história é outra, mas vai buscar inspiração também aos tempos que passou em Nova Iorque, onde a cultura e gastronomia mexicana têm uma presença forte, e conheceu Daniel Moehler, um chef que tem uma quinta no norte da Alemanha onde produz tortilhas orgânicas e sem glúten, seguindo os processos mais tradicionais.

 

Concha com doce de leite
Fotografia: Manuel Manso

 

Para o Chérie Paloma começou por trazer então os ovos. “No Dear Breakfast somos famosos pelos ovos, especialmente os Benedict, portanto aqui também teríamos de os ter”, diz. Lado a lado com os mais clássicos mexicanos, os huevos rancheros, com uma tortilha de milho na base, feijão, ovos fritos e uma salsa vermelha no topo, com fatias de abacate (10€), os huevos divorciados, com os ovos fritos, salsa verde e feijão (8€) e os huevos a la mexicana, uns ovos mexidos com tomate, cebola, jalapeños, batata e feijão (8€), estão então os benedictinos. Aqui os ovos escalfados com molho holandês são servidos no brioche com bacon, batata e uma salsa verde (10€) a conferir o tempero típico mexicano, sem serem necessariamente picantes. 

Se for de gostos mais simples ao pequeno-almoço, não vai ter grandes problemas. Na pastelaria doce há as conchas, um tipo de pão brioche doce mexicano, coberto com açúcar em pó e cacau, crocante por fora (3,50€), que acompanha com um potezinho de doce de leite para barrar sem culpas. Há ainda as mais tradicionais tostas com manteiga e doce (2,90€), croissants e pain au chocolat ou madalenas, e os bestsellers do outro espaço, dos parfaits de iogurte com granola caseira, bagas e mel (6,50€) à bowl de açaí (7,50€), menos latina, mais tropical.

 

Margarita spicy
Fotografia: Manuel Manso

 

Para o boost matinal há então as margaritas spicy, Bloody Marys e mimosas (7€), horchata (3,50€), mas também o chocolate quente mexicano, bem intenso (3,50€). Todos disponíveis para escolher se optar pelo brunch mexicano, um menu que inclui bebida quente, outra fria, tortilhas, guacamole e um prato principal (18,50€). 

 

Tacos de novilho
Fotografia: Manuel Manso

 

Por enquanto, na categoria almoço, estão os tacos, de frango pibil, de novilho ou de legumes marinados com café (9€/três unidades), há umas quesadillas com arandos, cogumelos e abacate (7€) e uns chilaquilles verdes. Mas a partir de 4 de Janeiro chega a grande diferença, quando comparado com o Dear Breakfast – os jantares mexicanos, com uma forte vertente de cockteleria mexicana, com mezcais e tequilas, e pratos que vão além da mais básica street food mexicana. No menu haverá polvo na brasa, carnitas de salmão com cinco especiarias, enchiladas ou frango de mole negro, uma receita feita com um molho rico e dezenas de ingredientes, uma das mais representativas da cultura mexicana. Tem tudo para sair deste restaurante a gritar Arriba!, seja de manhã, a seguir caminho para o trabalho, ou noite fora, ali na zona.

Calçada Marquês de Abrantes, 148 (Santos). Soft-opening: Seg-Dom 08.30-16.00. A partir de 4 de Janeiro: Seg-Sáb 08.30-16.00/18.30-00.00, Dom 08.30-16.00.

+ Os melhores restaurantes mexicanos em Lisboa

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments