Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right É Um Restaurante reabre para oferecer refeições a quem mais precisa
crescer
Arlindo Camacho Os chefs David Jesus e Nuno Bergonse

É Um Restaurante reabre para oferecer refeições a quem mais precisa

Publicidade

O restaurante da CRESCER – Associação de Intervenção Comunitária integrou no mercado de trabalho pessoas que passaram por uma situação de sem abrigo. Face à situação de pandemia, querem manter no activo as pessoas que formaram ao mesmo tempo que servem refeições a quem não tem tecto.

O É um Restaurante, na Rua de São José, perto da Avenida da Liberdade, fechou as portas por tempo indeterminado, como todos os outros restaurantes da cidade, assim que o estado de emergência entrou em vigor. Nos últimos dias, Nuno Bergonse, chef consultor do projecto de restauração, e David Jesus, chef residente, voltaram à cozinha e chamaram a equipa que tem trabalhado com eles nos últimos meses – não vão fazer take-away ou delivery, solução encontrada por vários espaços da cidade para sobreviverem, mas antes fazer jus à parte de projecto de reinserção social do restaurante. 

“Não sendo a distribuição de comida uma actividade habitual da Associação na sua actuação junto da comunidade, mas sabendo que muitas instituições que distribuem comida deixaram de o fazer por falta de recursos humanos ou por falta de apoio logístico, decidiram voltar a abrir a cozinha do restaurante com esse propósito”, explicam em comunicado. Além da distribuição de refeições, o objectivo será também assegurar que a equipa que conseguiram formar se mantenha firme, sem recaídas. 

Durante os próximos dias, a equipa deverá preparar cerca de 200 refeições por dia para distribuir a pessoas em situação de sem abrigo. Para continuar com esse ritmo, a CRESCER fez um apelo nas redes sociais, pedindo a todos, grandes empresas ou particulares, pequenas contribuições de bens essenciais: faz falta arroz, milho, grão, feijão, legumes para a sopa, pão, iogurtes e fruta e sumos de pacote. Quem conseguir a compra extra destes alimentos na próxima saída para o supermercado, pode entregar na sede da CRESCER (Bairro Quinta Cabrinha, 3, E/F) de segunda a sexta-feira, entre as 09.00 e as 18.00.

Quem quiser ajudar mas não conseguir sair à rua, a associação disponibiliza também o seu IBAN (PT50 0018 000348311690020 48) e qualquer donativo é bem-vindo.

+ Com estas plataformas, o comércio local fica mais próximo

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade