Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Em Fevereiro há 23 filmes premiados nos Óscares para ver na televisão
Notícias / Filme

Em Fevereiro há 23 filmes premiados nos Óscares para ver na televisão

moonlight

Falamos de títulos vencedores do Óscar de Melhor Filme. Dos clássicos como Oliver! , Annie Hall ou Kramer contra Kramer aos mais recentes O Caso Spotlight ou Moonlight . No TVCine 2, o caminho para os Óscares faz-se às quintas-feiras.

Chega o novo ano e com ele a contagem decrescente para a maior cerimónia de Hollywood, que acontece a 4 de Março. Até lá, entre 1 de Fevereiro e 1 de Março, guarde as quintas-feiras para rever alguns dos filmes premiados nos Óscares. No total, são 23 os filmes a serem exibidos.

A maratona de um mês, chamemos-lhe assim, está dividida por temas (Sorriso, Amor Atribulado, Tensão, Grandes Produções e Drama Humano) e arranca já no dia 1 de Fevereiro com Não o Levarás Contigo (1938), de Frank Kapra, às 15.25. Segue-se às 17.35 Oliver! (1968), de Carol Reed; Gigi (1958), de Vincente Minnelli, às 20.00; Um Americano em Paris (1951), também de Minnelli, às 22.00; e O Apartamento (1960), de Billy Wilder, às 23.55.

A quinta-feira seguinte, 8 de Fevereiro, o dia é dedicado aos amores atribulados. Vão ser exibidos: Até à Eternidade (1953), de Fred Zinnemann; Annie Hall (1977) de Woody Allen; Kramer contra Kramer (1979), de Robert Benton; A Paixão de Shakespeare (1998), de John Madden; e Perdido em África (1985), de Sydney Pollack.

A 15 de Fevereiro o especial Óscar de Melhor Filme vira-se para a tensão e arranca com os filmes Os Incorruptíveis Contra a Droga (1971), de William Friedkin, Casablanca (1942), de Michael Curtiz. Segue-se, às 19.25, The Departed – Entre Inimigos (2006), de Martin Scorsese, e às 22.00, O Caso Spotlight (2015), Tom McCarthy.

Na semana seguinte, celebram-se as grandes produções com Um Homem para a Eternidade (1966), de Fred Zinnemann; Patton (1970), de Franklin J. Schaffner; Ben-Hur (1959), de William Wyler; Titanic (1997), de James Cameron; O Senhor dos Anéis: o Regresso do Rei (2013), de Peter Jackson; e E Tudo o Vento Levou (1939), de Victor Fleming.

Por fim, na quinta-feira, 1 de Março, o dia é dedicado ao drama humano e arranca às 15.20 com A Oeste Nada de Novo (1930), de Lewis Milestone. Segue-se A Família Miniver (1942), de William Wyler; Há Lodo no Cais (1954), de Elia Kazan; e Moonlight (2016), de Barry Jenkins. A maratona termina com O Cowboy da Meia-noite (1969), de John Schlesinger.

+ Os filmes mais esperados até aos Óscares

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments