A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Helio Morais
©Inês Félix

Gerador leva concertos, conversas, cursos e workshops a casa de todos

Por
Francisca Dias Real
Publicidade

“Como fazer cultura para todos hoje?” é a questão que está na boca de muita gente em tempos que nos obrigam a ficar em casa. A plataforma cultural Gerador, já que não pode continuar a receber eventos na sua Central, vai levar a cultura até casa de todos com concertos, workshops, cursos online e conversas. Começa esta segunda-feira, 23, com Hélio Morais.  

“Numa altura em que deixamos de poder usufruir de muitos locais onde a cultura acontece, será que esta é posta em causa”, questionam. A equipa do Gerador pôs mãos à obra e traçou uma agenda caseira para poder chegar a todos os que estão em casa. Alguma da programação já está cá fora e esta segunda vai poder assistir à primeira Mescla ao Vivo, o segmento onde todas as segundas o Gerador convida um músico português a falar em directo, no site, sobre as suas dez músicas portuguesas preferidas. O músico Hélio Morais, baterista de Linda Martini e Paus, inaugura a iniciativa às 18.30. 

No dia 25, haverá uma conversa que junta no painel de oradores o músico Salvador Sobral, o comissário do Plano Nacional das Artes, Paulo Pires do Vale, e Anabela Afonso, comissária do programa cultural Algarve 365, para discutirem o tema “A pandemia e a cultura”, às 18.30. 

Às quintas é dia de leituras encenadas por actores portugueses que lêem autores nacionais, sobre os temas que desejarem. Nesta quinta, 26, os 30 minutos de leitura são entregues à actriz Isabel Rodrigues Costa e ao actor Vicente Wallenstein (18.30). 

As sextas-feiras são dia de duetos, onde artistas portugueses de áreas culturais diferentes fazem uma actuação em conjunto. O primeiro acontece esta sexta, 27, com a bailarina Rosana Ribeiro e o músico André Rosinha (18.30). 

Aos sábados é dia de pôr as mãos na massa e aprender qualquer coisa com workshops à distância. Este sábado, a partir das 15.00, os artista Nic e Inês vão ensinar-lhe os básicos da encadernação com material que tem em casa. Além desta agenda, haverá mais iniciativas a serem divulgadas ao longo dos próximos dias. 

A partir do próximo mês, o Gerador terá uma loja online, o Mercado Gerador, onde dará espaço a autores e artistas nacionais para que possam vender os seus trabalhos, uma vez que nesta fase "muitos viram desaparecer algumas fontes de financiamento habituais", referem.

A Escola Gerador também não ficou esquecida e será a 13 de Abril que arrancam os cursos numa versão online para quem quiser aprofundar os conhecimentos em áreas como fundos europeus para as artes e cultura, escrita criativa, gestão cultural, design editorial, fotografia, português, produção de eventos ou ilustração.

+ Os eventos que pode ver na internet, em streaming

Últimas notícias

    Publicidade