A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Metropolitano de Lisboa, exposições, Museu Calouste Gulbenkian
Fotografia: Metropolitano de LisboaMetropolitano de Lisboa acolhe exposição do Museu Calouste Gulbenkian

Há artistas em viagem nas estações de metro de Lisboa

Por Raquel Dias da Silva
Publicidade

À superfície ou debaixo de terra, não faltam manifestações de arte pela cidade. E é por isso que o Metropolitano de Lisboa e o Museu Calouste Gulbenkian se juntam mais uma vez para uma mostra itinerante com dez painéis de “Artistas em Viagem”, nas estações Baixa-Chiado e Aeroporto, entre Março e Abril e Maio e Junho, respectivamente. 

Amadeo de Souza-Cardoso, António Júlio Duarte, Maria Helena Vieira da Silva e Cândido Portinari são alguns dos artistas que poderá descobrir debaixo de terra através desta parceria que pretende dinamizar as estações do Metropolitano de Lisboa. Ao todo, são dez painéis que nos querem pôr a reflectir sobre a condição de estar "fora do lugar" e o confronto entre mobilidade e imobilidade. A selecção das obras integra o novo percurso expositivo do Museu Calouste Gulbenkian, que poderá também visitar até 31 de Julho de 2020, altura em que o edifício da Colecção Moderna encerrará para obras.

O objectivo é pôr portugueses e turistas a imaginar e reviver histórias de viagens e viajantes, ao mesmo tempo que circulam nas estações da Baixa-Chiado (Linha Azul e Verde) e do Aeroporto (Linha Vermelha). Já pensou como o metro pode também ser encarado como um museu aberto 365 dias por ano? 

Em comunicado, o Metropolitano de Lisboa convida-o, também, a visitar o painel Le Métro da artista plástica Maria Helena Vieira da Silva, na estação Cidade Universitária (Linha Amarela), transportado para azulejo por Manuel Cargaleiro.

+ Galerias de arte em Lisboa: um roteiro alternativo

Últimas notícias

    Publicidade