A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Bruno Nogueira
© Duarte DragoBruno Nogueira

Jamor transforma-se para quatro dias de humor ao ar livre

O campo de rugby do Estádio Nacional está prestes a tornar-se o pátio mais hilariante de Lisboa. Bruno Nogueira, Salvador Martinha, Beatriz Gosta e Rita Blanco fazem parte da programação.

Por Raquel Dias da Silva
Publicidade

A premissa é simples: o humor é rei, há poucos ou nenhuns filtros, e as línguas prometem-se afiadas mas divertidas. Entre 23 e 26 de Julho, faz-se Re-creio no Jamor, com espectáculos de stand-up comedy e conversas em dupla para se voltar a descontrair e a acreditar.

“Recreio significa duas coisas: é o tempo e o lugar da diversão mas é também a palavra que contém em si o verbo ‘crer’, que aqui significa voltar a acreditar”, explica o produtor Hugo Nóbrega, director-geral da H2N, promotora do evento.

O primeiro espectáculo está marcado para quinta-feira, 23 de Julho, às 21.30. É Salvador Martinha o responsável por abrir portas ao recreio ‒ e com vontade de provar que tem todas as respostas Na Ponta da Língua. Antes, conte com “a aluna de mérito do digital”, Luana do Bem, e uma lição de stand-up comedy sobre tupperwares e toucas de natação.

Na sexta-feira, dia 24, a festa começa mais cedo, pelas 20.00, com Eduardo Madeira, uma guitarra e as suas observações jocosas sobre os portugueses, o futebol e tudo o que os une. Na mesma noite, às 22.00, Beatriz Gosta e Rita Blanco juntam-se pela primeira vez como colegas de secretária e prometem fazer jus à expressão “língua afiada”.

Já o fim-de-semana é do Bon Vivant Carlos Coutinho Vilhena (19.30), mas também de Bruno Nogueira e Miguel Esteves Cardoso (22.00), que juntos se propõem a compilar uma espécie de enciclopédia do comportamento dos portugueses (e não só), que abrem no mais recente volume, dedicado ao confinamento e à pandemia.

Por último, Guilherme Geirinhas e Diogo Batáguas encerram o evento, no domingo, com uma lição única e irrepetível, onde só leva falta de material quem se esquecer da boa disposição em casa.

Para além das zonas em que se encontra o palco e o público, haverá também uma área de lazer e convívio e um espaço de street food, para matar o bichinho quando lhe der a fome. Os bilhetes, com preços a variar entre os 14€ e os 20€, são vendidos em dupla e já se encontram disponíveis na Ticketline e na plataforma 3cket.

Dentro do recinto os pagamentos serão feitos exclusivamente através da 3cket, com carregamento por MB Way, terminal multibanco ou homebanking. Mas há mais medidas de segurança. Além da venda limitada de bilhetes, com lugares marcados, será medida a temperatura de todas as pessoas à porta do evento, assegurados diferentes circuitos para entradas e saídas, disponibilizado álcool-gel em vários locais e será garantido o distanciamento recomendado nas diversas zonas existentes.

Para consultar o programa completo e manter-se actualizado relativamente a eventuais novidades, basta aceder ao site do Re-creio.

+ As peças de teatro em Lisboa a não perder em Julho

Últimas notícias

    Publicidade