A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Colecção "Paródia" da Bordallo Pinheiro
José Manuel Ferrão

Jornal centenário Paródia inspira nova colecção da Bordallo Pinheiro

São pratos e taças inspiradas no jornal humorístico fundado por Raphael Bordallo Pinheiro, em 1900.

Escrito por
Mauro Gonçalves
Publicidade

O legado de Raphael Bordallo Pinheiro vai muito além da faiança. Em 1900, fundou A Paródia, um jornal humorístico que chegou a ter tiragens de 25 mil exemplares e que foi o terceiro título do género a ser criado pelo escritor e caricaturista português. Mais de um século depois, a marca a que deu nome recupera a herança gráfica deste periódico numa colecção para levar à mesa, mas não só.

A nova linha recupera alguns dos ícones da Bordallo Pinheiro, entre eles as andorinhas, as couves, os gatos e os morangos, cruzando-os com a linguagem do antigo jornal, cujas páginas eram ilustradas pelo próprio autor, muitas vezes em tom de sátira da actualidade política. A Paródia viria a desaparecer das bancas em 1907, dois anos após a morte do seu fundador.

Colecção "Paródia" da Bordallo Pinheiro
DR

Detalhes e baixos relevos, bem como a riqueza da pintura manual, também fazem parte da estética da nova coleção, que apresenta peças em cinco cores (branco, cinzento, azul, coral e verde), desafiando os clientes a misturar e a criar novas combinações. Nem toda a loiça é utilitária. Há espaço para itens decorativos num total de 21 peças.

A colecção encontra-se à venda nas lojas Bordallo Pinheiro e Vista Alegre. Os preços variam entre 5,50 e 80 euros.

+ No novo restaurante da Calçada do Ferragial cozinha-se na brasa e à vista de todos

+ Maray & B.Simple: duas marcas portuguesas numa nova loja

Últimas notícias

    Publicidade