A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Lenine
DRBruno Giorgi e Lenine

Lenine regressa a Portugal em Novembro. E traz o filho consigo

O trovador brasileiro com nome de revolucionário russo vai andar em digressão pelo país entre 24 e 27 de Novembro. O primeiro concerto é no Casino Estoril.

Escrito por
Luís Filipe Rodrigues
Publicidade

O trovador brasileiro que partilha o nome (e o desenho da barba) com o mais importante revolucionário russo vai voltar a Portugal, depois de alguns anos sem pisar os palcos nacionais. E Lenine não vai dar um, nem dois, nem três, mas quatro concertos, entre 24 e 27 de Novembro.

O motor desta mini-digressão, que arranca no Casino Estoril e termina na Casa da Música, não é um novo álbum de originais – o último, Carbono, já saiu em 2015 – mas antes uma nova roupagem para velhas músicas leninistas (no sentido popular brasileiro do termo), desenhada pelo cantautor do Recife e pelo seu filho, músico e produtor, Bruno Giorgi, que o acompanha há mais de dez anos.

A actual digressão foi baptizada “Rizoma” e concebida durante a pandemia para mostrar como, segundo Lenine, “num universo onde tudo ruma para o caos, a vida como estado de ordem pode surgir”. Em palco surgem apenas o cantor e compositor, com as canções na boca e um violão nas mãos, e o filho Bruno, que se reveza entre o baixo, o bandolim, os teclados, a voz e os samples.

Os bilhetes para o concerto de 24 de Novembro, no Salão Preto & Prata do Casino Estoril, já se encontram à venda online e nos locais habituais. Os preços andam entre os 20€ e os 25€.

+ Joana Marques será extremamente desagradável no palco dos Coliseus

+ Leia já a edição digital e gratuita da Time Out Portugal desta semana 

Últimas notícias

    Publicidade