A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Sopro do Diabo
©Lynsey AddarioFrom Devils Breath

Lisboa recebe estreia mundial de documentário sobre Pedrógão Grande, co-produzido por DiCaprio

O documentário 'From Devil 's Breath', sobre os incêndios de Pedrógão Grande e co-produzido por Leonardo DiCaprio, vai estrear em várias salas portuguesas a partir de 11 de Novembro, antecipando a estreia em território norte-americano.

Escrito por
Renata Lima Lobo
Publicidade

Nos dias 11, 12 e 13 de Novembro, o documentário From Devil’s Breath (Sopro do Diabo) vai estrear em várias salas da NOS Cinemas, um filme sobre a tragédia dos incêndios em Pedrógão Grande, em 2017, com co-produção do actor Leonardo DiCaprio, também conhecido activista contra as alterações climáticas.

Esta estreia mundial em Portugal resulta de uma iniciativa que juntou a NOS Cinemas e a Casa do Impacto, o hub de empreendedorismo da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, e na capital portuguesa a exibição está marcada para o final da tarde de 11 de Novembro, na sala de cinema NOS - Amoreiras. Com 40 minutos de duração, From Devil's Breath conta com a co-produção de Catarina Fernandes Martins e Tiago Carrasco e realização do cineasta britânico Orlando von Einsiedel, vencedor de um Óscar pela curta-documental The White Helmets (2016), sobre a guerra na Síria.

Em From Devil's Breath, os espectadores irão conhecer as histórias da comunidade de sobreviventes do incêndio que matou 66 pessoas em Pedrógão Grande, num documentário que também irá abordar uma “descoberta científica revolucionária que ajudará a combater e prevenir os efeitos da crise climática”, avança a Casa do Impacto em comunicado. “O nosso planeta está a enfrentar uma crise climática inegável (…) a minha esperança é que este filme desperte uma conversa, que inspire a agir, e que nos ajude a unir de modo a replantar o nosso futuro”, diz Leonardo DiCaprio, citado pelo mesmo comunicado. Assim como Orlando Von Einsiedel: “Como pai, este foi um filme profundamente emocional de fazer. Testemunhar em primeira mão como a emergência climática está a destruir inúmeras vidas deixou uma marca visceral em mim e forçou-me a pensar bem no mundo que estamos a construir. Ao mesmo tempo, este foi também um filme extremamente inspirador de dirigir, por ver a resiliência de pessoas como Nadia Piázza e Vitor Neves a reconstruir as suas vidas após uma tragédia inimaginável, e aprender sobre o potencial do movimento de reflorestação como parte fundamental da solução dos desafios da crise climática, encheu-me de optimismo. Estou muito orgulhoso do filme, e estou contente por a Casa do Impacto e a NOS Cinemas o estarem a exibir em Portugal".

O documentário irá viajar por todo o país, num total de 24 sessões, e a primeira será mesmo a que irá passar pelas Amoreiras, no dia 11 de Novembro, às 18.00. A exibição será precedida por um programa especial, dinamizado pela Casa do Impacto, que incluirá um painel de discussão sobre as alterações climáticas, com a participação de Miguel Costa Matos, deputado na Assembleia da República pelo Partido Socialista, Catarina Fernandes Martins, co-produtora do filme, e Sofia Carmo, responsável pelo programa de reflorestação de Pedrógão Grande. A moderação estará nas mãos de Inês Sequeira, directora da Casa do Impacto, que sublinha a importância do cinema no debate sobre a sustentabilidade. “A crise ambiental é uma causa que nos une a todos, visto ser um dos maiores desafios da próxima década, por isso é preciso envolver toda a sociedade para instigar a mudança que queremos ver no clima. O cinema, como meio de comunicação de massa, desempenha um papel significativo na construção deste pensamento coletivo.” 

O valor dos bilhetes irá reverter a favor de um projeto de reflorestação a seleccionar pela Casa do Impacto.

Cinema NOS - Amoreiras Shopping Center. Avenida Eng. Duarte Pacheco, 103. 11 de Novembro às 18.00. Bilhetes: 5€. fromdevilsbreath.com

+ O terramoto de 1755 abalou Lisboa, mas também o pensamento, sugere novo documentário

+ HBO partilha vídeo das filmagens de ‘House of the Dragon’ em Monsanto

Últimas notícias

    Publicidade