A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Oleão Smart S+
©HardlevelO oleão Smart S+

Lisboa vai ter 160 oleões inteligentes espalhados pela cidade

Rede de recolha de óleos alimentares usados (OAU) vai começar a ser instalada esta terça-feira, 20 de Abril, em pontos estratégicos da cidade.

Escrito por
Renata Lima Lobo
Publicidade

Lisboa tem uma rede de oleões que pode ser consultada, por exemplo, neste mapa, mas embora sejam úteis, não são do mais inteligente que há. Que o diga a Hard Level - Energias renováveis, empresa portuguesa especializada em gestão e pré-tratamento de OAU, que desde 2017 tem vindo a instalar um pouco por todo o país a Rede Nacional de Oleões (RENO). Uma rede inteligente que já conta com mais de dois mil Smart S+ em mais de 80 municípios. O nome para os novos oleões inteligentes que a partir desta terça-feira, 20 de Abril, começam a ser instalados em Lisboa, em parceria com a Câmara Municipal de Lisboa (CML).

Areeiro, Arroios, Beato, Penha de França, Benfica, Carnide, São Vicente e Alcântara são as primeiras freguesias contempladas da rede, numa iniciativa que se irá espalhar por toda a cidade até ao final do mês de Maio. Até lá, serão também instalados mais 44 Smart S+ em espaços municipais, de mercados a Juntas de Freguesia, num total de 204 equipamentos.

São inteligentes, porque com a ajuda de uma aplicação digital, a RENO App, os utilizadores conseguem aceder à localização do oleão mais próximo, saber qual o seu nível de enchimento e também aceder à contabilização dos depósitos dos cidadãos. Em comunicado, Karim Karmali, administrador da Hardlevel, explica que esta solução irá permitir a interacção da CML com os munícipes através da aplicação, “podendo ser utilizada como ferramenta de promoção da neutralidade carbónica de cada um de nós e, simultaneamente, de incentivo às boas práticas de reciclagem através da implementação de campanhas de sensibilização e sorteios”.

Ou seja, através de campanhas de sensibilização ambiental serão sorteados, por exemplo, vouchers e bilhetes para actividades culturais, de lazer, cultura, desporto, mediante um sistema de pontos (um ponto por depósito) que acumulam em função dos depósitos de OAU que são efectuados nos Smart S+. Os pontos ficam registados através de um QRCode localizado na lateral de cada oleão. A aplicação está disponível na Play Store, para sistemas operativos Android, mas qualquer utilizador pode-se registar na plataforma www.reno.pt.

A adesão a esta rede inteligente será acompanhada pela Hardlevel, de forma a garantir que as necessidades de cada rua, bairro e freguesia correspondem ao número e localização dos equipamentos. Até ao final do ano, a empresa prevê superar três mil oleões instalados por todo o país.

+ Cascais vai medir qualidade do ar no concelho com 11 sensores

+ Leia a edição desta semana: Olha-me esta fresca!

Últimas notícias

    Publicidade