A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Livgood
DR

LivGood: uma loja online para nos ajudar a encontrar um estilo de vida melhor

Apesar de ter chegado em Janeiro ao mercado nacional, a LivGood parece só agora estar a arrancar realmente. É um supermercado online com a ambição de criar uma comunidade envolvida num consumo mais consciente e saudável.

Escrito por
Cláudia Lima Carvalho
Publicidade

“Todos queremos viver melhor, mas não sabemos bem como.” As palavras são da libanesa Jeanine Ghos, que com Selim Bocti criou a LivGood com o objectivo de nos guiar nessa busca. A marca nasceu no Líbano, chegou agora a Portugal e até ao final do ano ganhará uma loja em Lisboa ou Cascais. Até lá, funciona apenas online, com uma variedade de produtos saudáveis e uma série de marcas que pouco se encontravam por cá. 

A chegada a Portugal aconteceu através de Georges Abou-Jaoude, libanês a viver em Lisboa há cerca de dois anos. “Chegámos a pensar na Arábia Saudita ou no Egipto [como estratégia de crescimento], mas nenhum era realmente o que queríamos. E o Georges dizia-nos que Portugal era o sítio”, conta Jeanine, numa apresentação a jornalistas, revelando que no Líbano a marca está bem estabelecida. Georges é hoje accionista. Apostou na marca por acreditar na sua pertinência: “O mundo está cada vez mais preocupado com a saúde”. “A LivGood não é apenas uma loja online, é uma forma holística de vida”, defende Georges. 

É isso, acredita Jeanine, que afasta a marca de concorrentes como o Celeiro ou o Go Natural, mais do lado tradicional do mercado. “Queremos ajudar as pessoas a viver melhor. Alguém que quer ser vegan e não sabe por onde começar, por exemplo”, explica a libanesa.

No site, é possível fazer compras através do estilo de vida. Escolhendo a opção vegan, por exemplo, há um sem número de produtos disponíveis, entre os quais algumas marcas portuguesas como a Daflori que, entre outras coisas, vende versões vegan de chouriços, morcelas ou farinheiras. 

Sem glúten, sem lactose, sem soja ou sem noz, com baixo teor de açúcares, sal ou gorduras, rico em fibra e alto em proteína são algumas das opções. Também é possível escolher ver os produtos apenas de marcas portuguesas, uma oferta que Jeanine quer que cresça nos próximos tempos. “Somos muito selectivos na escolha dos produtos que temos à venda e recorremos à ajuda de nutricionistas. Juntamo-nos a quem também nos pode ajudar”, acrescenta. 

Daí também a importância de ter um espaço físico onde a mensagem se possa materializar. “Até porque às vezes as pessoas precisam de ver, de provar, de perceber o que podem fazer”, aponta Georges. E isso acontece através de workshops gratuitos que já estão a acontecer, apesar de ainda não haver uma loja. O próximo já está marcado, é já neste sábado, dia 22, na Academia Transformar, na Avenida António Augusto de Aguiar, com a dupla Kitchen Dates, especialista numa cozinha sem produtos de origem animal, com produtos locais e biológicos – o tema do workshop é “Como Podemos Tirar Partido Dos Alimentos e Produtos Da Época”.

“No Líbano isto acontece muito. É preciso educar, criar uma cultura e uma comunidade e isto não quer dizer uma mudança total de lifestyle”, conclui a responsável.

livgood.pt

+ Rumours: leve a bebida de casa, dos cocktails tratam eles

+ Famosa e premiada no Brasil, Carolina Sales abriu em Oeiras “a” pastelaria

Últimas notícias

    Publicidade