A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
The Mix, Farol Hotel
DR

Mistura e volta a dar: The Mix, o restaurante do Farol Hotel, tem carta nova

O chef romeno Sebastian Fritye chegou ao hotel de luxo em Cascais pouco antes da pandemia, mas só agora teve oportunidade de apresentar a sua carta de assinatura, com interpretações originais da gastronomia portuguesa. Para experimentar de olhos postos no mar.

Escrito por
Vera Moura
Publicidade

Com frio ou calor, com chuva, sol ou vento, na Primavera, no Verão, no Outono ou no Inverno, a vista do terraço do Farol Hotel, em Cascais, nunca desilude. E agora, esta beleza natural arrebatadora das ondas a bater nas rochas pode ser acompanhada pelos pratos coloridos e originais do chef Sebastian Fritye, que já chegou à cozinha do The Mix há dois anos, mas só em Março de 2022 conseguiu estrear a sua carta de assinatura. A inspiração é (nem podia deixar de ser) o Atlântico, mas há muitos sabores portugueses reinventados que não chegam do mar e que vale a pena experimentar.  

Farol Hotel
Ricardo Junqueirafarol restaurante cascais portugal

Comecemos pelas apresentações. Sebastian Fritye nasceu na Roménia, cresceu na Áustria e trabalhou em Paris, antes de aterrar em Portugal e passar por restaurantes de hotéis de cinco estrelas, como o Ritz ou o Penha Longa. No The Mix, do Farol Hotel, ao lado do Sushi Design, ganhou a liberdade que lhe faltava. E conseguiu aproximar o fine dining da cozinha tradicional portuguesa, como há tanto sonhava. O exemplo mais surpreendente? O porco dos pés à cabeça (32€), com arroz de enchidos, salsicha caseira de plumas ibéricas, lombinho enrolado em pancheta de porco preto, cabeça de xara e molho de bacon. "Foi um projecto divertidíssimo e é um prato impressionante", assegura Ana Maria Tavares, directora-geral do hotel, antes de uma tigela de barro preto em forma de porco chegar à mesa. "O chef não só queria usar todas as partes do porco, como queria uma travessa da forma do animal. Já se transformou num prato emblemático e muita gente pede, incluindo estrangeiros", conta. 

Farol Hotel
Ricardo JunqueiraPorco dos pés à cabeça, um dos pratos mais inesperados da nova carta do The Mix

Se o ambiente envolvente o afastar dos pratos de carne, que incluem ainda a tourte tarte recheada com guisado de rabo de boi ou a arouquesa à portuguesa com certeza, um tornedó do lombo assado com cremoso de batata fumado, presunto Pata Negra e ovo de codorniz estrelado (ambos 38€), demore-se no capítulo dos peixes e experimente o linguado à Cascais, recheado com fois-gras e laranja sanguínea (35€), o lavagante em manteiga de tomilho (48€) ou o cherne ao vapor de algas (40€) com consommé de marisco. "Temos a vista. Temos a matéria-prima. Temos cozinha de autor. É a combinação perfeita", resume orgulhosa Ana Maria Tavares, antes de contar que o chef Sebastian Fritye se abastece essencialmente em Cascais, muitas vezes no Mercado da Vila. 

The Mix
Ricardo JunqueiraCherne ao vapor de algas

Antes dos pratos principais, vale a pena apreciar o couvert servido sobre pedras da praia (12€) – tem manteiga de lavagante, torresmo de bacalhau, falsa azeitona com anchova, cone de choco frito, tapioca brava e molho sweet chilli – ou uma das entradas fotogénicas, como a sopa que baptizaram de capuccino de cebola com santola e leite de funcho com café (24€). Depois, é rematar com uma sobremesa – a noisette e laranja sanguínea (12€), com cremeux de noisette, laranja sanguínea fresca e em gel, emulsão de citrinos fumado e crouton de bolo de amêndoa ficou-nos na memória. Visual e gustativa.

The Mix
Ricardo JunqueiraNoisette e laranja sanguínea

Farol Hotel. Avenida Rei Humberto II de Italia, Cascais. Restaurante The Mix. Seg 12.00-15.00, Ter-Sáb 12.00-22.00, Dom 12.00-17.00 e 18.00-22.00. 21 482 34 90 

+ Vítor Sobral à conquista de Cascais: primeiro a Marina, no Verão a lota

+ Cascais: para passar um dia ou a vida toda

Últimas notícias

    Publicidade