Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right O Elevador de Entrecampos ganhou uma nova vida e cor
Notícias / Vida urbana

O Elevador de Entrecampos ganhou uma nova vida e cor

vanessa teodoro no elevador de entrecampos
©Junta de Freguesia do Areeiro

A artista Vanessa Teodoro foi convidada pela EMEL para finalizar a intervenção do elevador e do espaço superior da passagem de peões.

Copenhagen Coffee Lab & Bakery (Alcântara), Mercado Lumiar + Bio, Hotel 1908 e Gelato Davvero são alguns dos espaços em Lisboa que orgulhosamente ostentam trabalhos de Vanessa Teodoro, artista sul-africana radicada em Lisboa.

A identidade visual dos seus trabalhos não deixa grande margem para dúvida sobre a sua autoria, definida por padrões gráficos, elementos figurativos e cores contrastantes. Vanessa Teodoro trabalha com marcas internacionais (Louis Vuitton incluída), mas a arte de rua e os grandes murais também entraram na sua vida. A última aventura de rua foi parar ao Elevador de Entrecampos, numa intervenção inspirada em padrões africanos e na pop art, uma solução que, para a EMEL, tem uma dupla função. Além do prazer de olhar para a criação de Teodoro, a obra “pretende desincentivar, atenuar e até camuflar as intervenções ilegais”, na sequência do “vandalismo constante nestas infraestruturas”, diz a empresa municipal de mobilidade em comunicado.

Neste trabalho, a artista optou por usar apenas o preto e o branco, no sentido de “garantir uma maior harmonia entre as várias frentes, sem que a peça se tornasse muito cansativa visualmente, devido à sua densidade gráfica”, explica a EMEL que lembra que estas são também as cores da bandeira de Lisboa.

Urban Art Intervention • Entrecampos from Vanessa Teodoro on Vimeo.

+ Akacorleone pintou no Campo Mártires da Pátria

+ Underdogs leva loja do Cais para Marvila e inaugura novo espaço de projectos experimentais 

Publicidade
Publicidade

Comentários

1 comments
André S

Muito bom, mas sendo PT daqui a alguns messes já estará completamente danificado / destruído por algum (alguns) troll(s)