Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right O regresso ao futuro dos Soundgarden estreia-se nos cinemas de Lisboa e Cascais
Notícias / Música

O regresso ao futuro dos Soundgarden estreia-se nos cinemas de Lisboa e Cascais

Friday 8--Saturday 9Soundgarden
Danny Clinch Soundgarden

O documentário Soundgarden: Live from the Artists Den devolve-nos ao concerto que a banda de Chris Cornell deu, em 2013, naquele programa da televisão pública americana.

Em 2013, a tragédia que se abateu sobre os Soundgarden era imprevisível. A banda acabara de se reunir, após 12 anos de interregno, produzindo um novo disco de originais, King Animal (2012), e percorrendo o globo em concertos e concertos. Em 2013, os Soundgarden viviam uma segunda vida e Chris Cornell, que viria a suicidar-se quatro anos depois, revelava estar na aguda forma que o havia tornado numa das figuras cimeiras do grunge. É nesse ano, em que a banda se mostrava rejuvenescida, que a vamos encontrar em Soundgarden: Live from the Artists Den, que se estreia na próxima segunda-feira, 1 de Julho, em salas de cinema de todo o mundo, incluindo em três salas portuguesas.

O concerto-documentário será exibido em Lisboa, no Centro Comercial Colombo; em Cascais, no CascaiShopping; e em Matosinhos, no MarShopping; com sessões às 21h30 e às 00h30. Ou seja, o filme ocupará as três salas IMAX da NOS Cinemas.

São 21 temas, gravados a 17 de Fevereiro de 2013, no programa da estação pública norte-americana APT que dá título ao documentário: Live From the Artists Den. Era a conclusão da digressão de King Animal nos EUA. “Esse desempenho histórico foi remasterizado digitalmente para o formato IMAX”, lê-se no comunicado divulgado pela distribuidora, que promete uma “experiência imersiva única”, “com uma grandeza de qualidade de imagem e som” apenas possíveis nestas salas, devido ao seu isolamento acústico especial e às suas colunas de som com 2500 W de potência.

King Animal era um disco muito aguardado. Os fãs da banda de Seattle esperaram 16 anos por ele. O antecessor, Down on the Upside, era de 1996 e pôs fim a uma muito bem-sucedida carreira discográfica na década de 1990. Screaming Life/Fopp (1990) Badmotorfinger (1991) e Superunknown (1994), os álbuns que lhes granjearam a fama global, estão no alinhamento com “Outshined” ou “Black Hole Sun”. Mas são sobretudo os do único disco de originais no século XXI ocupa que vamos ver e ouvir em Soundgarden: Live from the Artists Den, cuja exibição a 1 de Julho incluirá dez minutos de entrevistas com a banda (sem legendas). Os bilhetes serão postos em breve à venda.

+ Guia completo dos festivais de Verão

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments