• Notícias
  • Vida urbana

Obra ao largo: será desta que se ergue o mono do Rato?

Obra ao largo: será desta que se ergue o mono do Rato?

Os tapumes azuis em torno do edifício onde funcionou a Associação Escolar de São Mamede, no Largo do Rato, desenterraram uma polémica antiga: um edifício moderno projectado há mais de dez anos pelos arquitectos Frederico Valsassassina e Aires Mateus.

Não há confirmação do município que é mesmo este o projecto que vai avançar no Largo do Rato, mas os lisboetas mais atentos lembra-se da controvérsia em torno de um edifício de traços modernos projectado pelos arquitectos Frederico Valsassassina e Aires Mateus para o largo onde mora a sede nacional do Partido Socialista.

As primeiras imagens foram divulgadas em 2004 e o processo arrastou-se bastante tempo, com uma petição e uma acção judicial pelo meio, promovidas pela Associação Salvem o Largo do Rato que tentou travar o licenciamento da obra. A volumetria do edifício indignou muitos lisboetas que temeram pela descaracterização da zona.

O destino do projecto seria o gaveto entre o Largo do Rato, a Rua do Salitre e a Alexandre Herculano, onde existiu a Associação Escolar de São Mamede que entretanto mudou de instalações para a Avenida 5 de Outubro, como indica um pequeno papel pendurado na fachada.

mono do rato, largo do rato, associacao escolar sao mamede

 

O licenciamento da obra chegou a ser chumbado duas vezes em 2008, mas dois anos depois o imóvel voltou à discussão na Câmara Municipal de Lisboa à boleia de uma proposta que contemplava alterações ao projecto original, como um novo desenho para a fachada, menos abstracto. E foi aprovado, embora não tenha dado notícias desde então.

Na quarta-feira (14 de Fevereiro) à tarde contactámos a Câmara Municipal de Lisboa para confirmar se é mesmo este o projecto que vai avançar para aquele espaço no Largo do Rato, mas até à hora de publicação deste artigo não nos chegou qualquer resposta.

+ O Jardim da Gulbenkian vai crescer para um dos lados

+ O caso dos azulejos da Praça da Figueira

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments