A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Peixaria Centenária
Fotografia: Arlindo CamachoPeixaria Centenária

Oito anos e muito peixe depois, a Peixaria Centenária vai fechar

A história desta peixaria moderna chega ao fim, mas não sem uma última ceia, marcada para o último dia do ano.

Escrito por
Teresa David
Publicidade

As portas da Peixaria Centenária continuam abertas na Praça das Flores, onde nasceu em 2013, e na Rua Luís de Camões, em Alcântara, para servir os fregueses que por lá passarem. E também chegam a casa através da entrega ao domicílio em Lisboa e arredores. Mas não por muito mais tempo. Estas bancas à antiga, mas com pregões que chegam às redes sociais, vão fechar no final de 2021. 

"Este último ano foi duro financeiramente. Percebemos que o melhor é estancar agora, em vez de continuar. Somos quatro sócios, e nós temos outras prioridades além da peixaria. É um projecto que deixou de ter tanto espaço como inicialmente", diz Joana Mateus, uma das fundadoras, à Time Out.

Mas antes do adeus, há que celebrar. "Queremos fazer isto de uma forma positiva. Achamos que alcançámos alguns objectivos que tínhamos. Queríamos ser uma marca de peixe fresco, somos reconhecidos até fora de Lisboa, modernizámos o negócio do peixe e também sentimos que inspirámos outros", afirma.

Assim, a peixaria lisboeta lembra que ainda temos uma semana para preparar a "Última Ceia" e que pode encomendar ou comprar em loja o seu peixe e marisco frescos. Tem até ao dia 31 de Dezembro, o último dia da venda de peixe na Peixaria Centenária. Para Janeiro, os responsáveis estão a preparar uma venda de garagem.

+ A estância de inverno do Sheraton tem neve, chalets, bebidas quentes e iguarias da Serra

+ Nova loja, os doces de sempre: a Brigadeirando reabriu na Lx Factory

Últimas notícias

    Publicidade