A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Concurso Artivismo na Penha
©Livre Para

Penha de França desafia fregueses a criarem obras de arte com lixo

Estão abertas as inscrições para o Artivismo na Penha, um concurso criativo realizado pela Junta de Freguesia da Penha de França que quer despertar consciências a partir do seu território.

Por Renata Lima Lobo
Publicidade

Tem até 4 de Setembro para pensar, planear e concretizar uma obra de arte feita através da reutilização de materiais como embalagens, garrafas de plástico ou palhinhas, alguns exemplos de um mundo de possibilidades desperdiçadas. A junta da Penha de França quer despertar consciências na freguesia e lançou para isso o concurso Artivismo na Penha, em que o desafio é criar obras de arte a partir de materiais que teriam o lixo como destino aparentemente inevitável.

A segunda regra deste concurso é que use como fonte de inspiração um ou mais dos 17 Objectivos de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU), que focam temas como o combate às alterações climáticas, a erradicação da pobreza e da fome, a necessidade de assegurar uma vida saudável, a educação inclusiva, a igualdade de género, a gestão sustentável das águas ou a conversação dos oceanos. Pode começar por consultar o site do Centro Regional de Informação para a Europa Ocidental da ONU.

Esta iniciativa, destinada a todas as idades, tem também um objectivo: “mostrar que o que nos parece inútil e descartável pode ter uma segunda vida”, numa mensagem ecológica de redução do desperdício direccionada a toda a comunidade alfacinha.

Os três primeiros classificados ganham uma experiência imersiva de ecoterapia na natureza, da agência de ecoturismo Breathe Portugal, e cada vencedor pode levar até dois acompanhantes. Todos os participantes já entram a ganhar, mais concretamente a participação na oficina online "A arte encontra as ODS", da consultora de sustentabilidade Érica Liberato (Youth Climate Leaders e Juventude Lixo Zero Portugal).

O concurso conta com a produção do Livre Para, movimento que alerta para o impacto que temos na natureza, e o júri que irá avaliar os candidatos é composto por Érica Liberato, Débora de Sá (Zero Waste Lab), João Gonçalo Dias (Breathe), Amanda Gal Tocchio (ROUTE Portugal) e Bruno e João (Livre Para).

Conheça o regulamento e todas as informações de participação em livrepara.com/artivismonapenha.

+ Leia já, grátis, a nova edição da Time Out Portugal

+ Coisas para fazer na Penha de França

Últimas notícias

    Publicidade