A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Plantar as dunas ou construir caixas ninho, Almada celebra o Dia da Árvore

Por Carolina Quaresma com editores Time Out Lisboa
Publicidade

Se ainda não teve oportunidade para comemorar o Dia da Floresta, celebrado a 21 de Março, pode fazê-lo este fim-de-semana em Almada, mais precisamente na Costa da Caparica e no Parque na Paz no Feijó. Há actividades programadas para toda a família. É uma oportunidade para os miúdos aprenderem mais sobre sustentabilidade e meio ambiente.

O sábado arranca às 09.00 com a autarquia a convidar as famílias a participar na plantação das dunas de S. João, removendo espécies invasoras e replantando espécies nativas deste sensível ecossistema. Quem levar materiais recicláveis lá de casa poderá trocá-los por árvores juvenis, arbustos e aromáticas da flora portuguesa. Espreite a tabela destas "Eco trocas" para saber o que deve levar. Por exemplo: recebe uma planta em troca de 20 garrafas de plástico pequenas.

A manhã termina ainda com um mergulho no oceano, mas não se assuste. Não vai ter de se molhar se não quiser: trata-se de uma visita a uma exposição num aquário virtual, que permite descobrir o património natural das águas atlânticas da Costa da Caparica.

Da parte da tarde, pode também construir caixas ninho e saber a importância das aves na cidade (14h30), falar com especialistas sobre as consequências das alterações climáticas para os oceanos e ainda participar no ateliê da floresta e ver de perto várias espécies que lá habitam.

Para o dia ficar completo, Almada junta-se à iniciativa da Hora do Planeta e por isso, ainda no sábado, às 20.30, as luzes vão ser desligadas durante uma hora, à semelhança do que vai acontecer na Torre de Belém e no Castelo de São Jorge, por exemplo.

No domingo, as atividades começam às 10.00, no Parque da Paz, no Feijó, com a primeira edição do Mercado da Horta (a partir deste dia, repete-se no último domingo de cada mês). Aqui pode contar com frutas e hortícolas, mel, doces e compotas, cosmética natural, sementes e plantas mediterrâneas – tudo trazido por produtores locais.

Nesta primeira edição, os mais novos não foram esquecidos. Às 14.00, os miúdos vão poder pôr mãos à obra e participar numa oficina de introdução à horticultura. Para os adultos, há um ateliê de biocosmética às 15.30 – vai aprender a fazer óleos e cremes corporais com plantas aromáticas e medicinais. Ambas as actividades são livres.

+ Hora do Planeta: este sábado apague as luzes e pedale em Lisboa e Cascais

+ Câmara vai oferecer quatro mil compostores

Últimas notícias

    Publicidade