Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Prepare o sapatinho para três dias de LX Music
Rodhad
©Matthias Wehofsky Rodhad

Prepare o sapatinho para três dias de LX Music

Publicidade

A LX Music distribui os presentes de Natal antes do tempo com um festival de electrónica de três dias na FIL. É começar a preparar o sapatinho – para dançar.

Há quem leve muito a sério a expressão “boas festas” e aproveite a época natalícia para uma maratona de techno. De sexta a domingo, a LX Music, promotora de electrónica nacional com quase 15 anos, prepara o seu primeiro festival na Feira Internacional de Lisboa (FIL) com uma chuva de artistas internacionais ligados ao género. Ben Klock, Paul Kalkbrenner, Paula Temple, Dax J, Art Department, I Hate Models, Marcel Dettmann e Benjamin Damage são alguns dos nomes que vão passar pelo Parque das Nações este fim-de- semana.

A abertura, na sexta, a partir da seis da tarde e até às oito da manhã (para os resistentes), é comandada pelo alemão Boris Brejcha e dedicada ao subgénero por ele criado: o high-tech minimal. “É um artista que tem uma história muito grande connosco, exclusivo da LX Music em Portugal”, diz Tiago Baptista, fundador da promotora. “Construí várias carreiras de artistas em Lisboa, mas depois aparecia sempre quem dava mais 1000 ou 2000 euros e eles mudavam de agente. O Boris foi um caso à parte e por coincidência é o artista [techno] que neste momento movimenta mais público em todo o mundo.”

No sábado, a partir das 16.00, as atenções estão divididas entre Paul Kalkbrenner, Art Department, Recondite, I Hate Models e Benjamin Damage. No domingo, a partir das 14.00, o festival funciona mais em “formato matiné” – apesar de também se prolongar até de manhã – com os principais nomes do cartaz, de Marcel Dettmann e Ben Klock a Paula Temple, “quase todos residentes do Berghain [em Berlim]”, a tocar num horário diurno, antes da 01.00.

O festival, no meio de uma agenda preenchida de jantares e festas de Natal, é a conjugação de vários anos de experiência da promotora. “Nunca tínhamos feito um festival, pediam-nos muito para fazer e estivemos a maturar a ideia e à espera do momento certo”, continua Tiago. “É uma junção de conhecimentos, contactos e parceiros.”

A FIL já tinha recebido outros eventos da LX Music, mas nada desta dimensão. “A parte de espectáculo, tratamento acústico e iluminação vai ser uma novidade para muita gente. É o nosso maior espectáculo a nível de ambiente.”

A promotora volta a dar um ar da sua graça no fim de ano com uma festa no mesmo local – o duo italiano de techno/ IDM Mind Against é uma das primeiras quatro confirmações. Em Fevereiro, voltam para a festa de 15 anos, com Charlotte de Witte como anfitriã.

Sex-Dom, FIL (Parque das Nações). Bilhetes diários a partir de 44€ (com festa de passagem de ano incluída), passe 75€ (com festa de passagem de ano). + info em lxmusic.org

As melhores festas em Lisboa esta semana

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade