A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Lisbonweek
LisbonweekISA - Parque Botânico e Ambiental

Programação da Lisbonweek torna-se 100% digital

Tivemos de voltar para casa por um bem maior, mas não se preocupe: não vão faltar propostas para se entreter, com a programação da Lisbonweek, que inclui desde visitas virtuais até uma websérie sobre a Gente de Alcântara.

Por
Raquel Dias da Silva
Publicidade

A Lisbonweek, que já tinha um formato híbrido com várias propostas online desde Outubro de 2020, irá migrar totalmente para o digital até ao final do mês de Janeiro, para garantir o acesso à cultura no conforto de casa. Com foco na freguesia de Alcântara, o bairro de eleição desta 6.ª edição, a programação conta com podcasts, visitas virtuais e sonoras e até webséries.

“Do rio Tejo aos Palácios da Junqueira, até ao verde da tapada, muitas histórias há para descobrir”, lê-se em comunicado da organização. “O programa digital está disponível no site da Lisbonweek para que se possa explorar e aproveitar o confinamento da melhor forma, sempre de mão dada à cultura, que, tal como os portugueses, não pára.”

Para este sábado, 23 de Janeiro, às 15.00, está já prevista uma visita virtual ao Herbário do Instituto Superior de Agronomia, que apresentará as dinâmicas do espaço, inclusive através dos arquivos do Professor Pedro Arsénio. No domingo, dia 24, à mesma hora, explorar-se-á o Instituto Superior de Agronomia, pelos 100 hectares da Real Tapada da Ajuda.

A programação inclui muitas outros conteúdos culturais, como o podcast Histórias de Al-Qantara, visitas sonoras a vários espaços, como o Pilar 7 ou o Palacete Burnay, e a websérie Gente de Alcântara, com conversas com diferentes figuras que vivem no bairro, desde Filipe La Féria até Pedro Dias, que perpetua o nome do seu pai no Café Dias.

+ Os eventos que pode ver na internet, em streaming

+ Leia já, grátis, a edição digital da revista Time Out Portugal desta semana

Últimas notícias

    Publicidade