A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Rua Garrett - Chiado;  armazéns do chiado
Fotografia: Manuel Manso

Todos os meses haverá uma nova exposição nos Armazéns do Chiado

A primeira exposição fica patente até 31 de Janeiro. Todas as mostras do projecto Arte Xxiado serão de entrada gratuita.

Por
Francisca Dias Real
Publicidade

Há muito que os Armazéns do Chiado deixaram de ser unicamente local de compras e o novo ano traz-lhes mais uma valência: a artística. A partir desta sexta, dia 8, arranca o projecto Arte Xxiado, uma área dos Armazéns dedicada a exposições que mudam todos os meses. A primeira está nas mãos do fotógrafo Joaquim Gomes.

A novidade vem marcar o início de 2021 e quer estender-se ao longo do ano, todos os meses com uma nova mostra de arte que ocupará parte do 5.º piso com trabalhos de autores, artistas convidados e jovens talentos. 

O novo projecto arranca com “Reflexos de Lisboa Confinada”, uma exposição do fotógrafo Joaquim Gomes para ver até 31 de Janeiro. A mostra revela uma sequência de imagens da cidade quase deserta de movimentos, de uma cidade livre de atropelos e ajuntamentos. 

“Numa altura em que muitas restrições ainda se mantêm e que há um cuidado redobrado com todas as actividades sociais, esta é uma forma de marcar encontro com a arte e cultura, de forma segura e acessível a todos”, refere Ricardo Esteves, director dos Armazéns do Chiado. O espaço quer contribuir “para a dinamização e qualificação da actividade do centro comercial, oferecendo a quem o visita, a possibilidade de viver uma experiência cultural imersiva”. 

+ João Gil leva cinco convidados ao Capitólio para cinco noites de música

+ Leia a edição desta semana: 2021 anda à roda

Últimas notícias

    Publicidade